Agro Olhar

Domingo, 19 de fevereiro de 2017

Notícias / Geral

Ricardo Eletro fecha lojas em Mato Grosso; mostruário é vendido com até 50% de desconto

Da Redação - Viviane Petroli

15 Fev 2017 - 16:34

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Lojas a serem fechadas estão localizadas nos shoppings Pantanal e Goiabeiras, em Cuiabá, e em Várzea Grande

Lojas a serem fechadas estão localizadas nos shoppings Pantanal e Goiabeiras, em Cuiabá, e em Várzea Grande

A Ricardo Eletro irá fechar três lojas em shoppings da Grande Cuiabá, onde as peças de mostruário estão sendo vendidas com até 50% de desconto. Segundo a rede de eletrodomésticos, alguns funcionários serão realocados para outras unidades, enquanto outros serão desligados.

O fechamento das lojas dos shoppings Pantanal e Goiabeiras, em Cuiabá, e de uma unidade em Várzea Grande foi confirmada pela assessoria de imprensa da Ricardo Eletro.

Leia mais:
Máquina de Vendas unifica bandeiras City Lar e Ricardo Eletro em Mato Grosso

De acordo com nota, o fechamento das três lojas em Mato Grosso "Trata-se de uma reestruturação estratégica para manter os preços agressivos, sempre com foco no cliente. A decisão foi tomada para que a rede possa seguir sua trajetória de crescimento, registrada nos últimos anos".

A rede afirma que as outras 40 lojas, localizadas em diversas cidades do Estado, seguirão abertas.

A Ricardo Eletro pertence ao Grupo Máquina de Vendas. Em março completará um ano que a City Lar, que é de Mato Grosso e que também pertence a holding, foi incorporada a marca Ricardo Eletro. Além da City Lar, outras quatro bandeiras da Máquina de Vendas foram incorporadas a Ricardo Eletro.

A Máquina de Vendas é hoje uma das três maiores varejista de móveis e eletroeletrônicos do Brasil. A holding foi criada em março de 2010 resultado da fusão das varejistas Insinuante (da Bahia) e Ricardo Eletro (de Minas Gerais). Em junho de 2010 a holding incorporou-se a City Lar, em 2011 a Eletro Shopping (de Pernambuco) e as Lojas Salfer (de Santa Catarina) em 2012.

Matéria Atualizada às 17h31

10 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • ziraldo
    16 Fev 2017 às 15:57

    conversa pra boi dormir é QUEBRADEIRA MESMO VAI CONTAR ESSA HISTORIA PRA OUTRO

  • Mariazinha
    16 Fev 2017 às 12:40

    É aretomada do EMPOBRECIMENTO do psdb.!!!

  • Eduardo
    16 Fev 2017 às 10:44

    Péssimo atendimento e preços altíssimos dessa loja. Sempre que quero comprar um produto eletrônico, faço pesquisa e essa loja sempre está com preço chegando à 40% de outras lojas. Absurdo.

  • joão
    16 Fev 2017 às 09:21

    Ricardo Eletro NÂO, É CITY LAR...

  • Augusto
    16 Fev 2017 às 08:39

    Depois que a City Lar virou Ricardo Eletro.. ficou pessimo o atendimento.. nao tem mais as promocoes que tinha antes.. nem os mesmos precos e produtos.. Saudades da City Lar antiga..

  • Rafael Souza
    15 Fev 2017 às 23:58

    Precos jutos ? kkk piada! São os mais caros, vendem produto x entregam y UMA VERGONHA tem que falir tudo mesmo bando de serm vergonha

  • ANDRE CINICO
    15 Fev 2017 às 18:10

    "Trata-se de uma reestruturação estratégica para manter os preços agressivos, sempre com foco no cliente. A decisão foi tomada para que a rede possa seguir sua trajetória de crescimento, registrada nos últimos anos". ACHEI ALGUEM MAIS CINICO DO QUE EU. KKKKKKKKKKKKKKKK KKKKKKKKKKKK

  • Twhanny
    15 Fev 2017 às 17:27

    Afinal, é 50℅ ou 5℅ de desconto?

  • FERNANDO AUGUSTO DE LAMONICA FREIRE
    15 Fev 2017 às 17:19

    Que pena! Mais desempregados na rua.

  • Paulo
    15 Fev 2017 às 16:57

    Só empresa indo embora, será que é a tal da transformação.

Sitevip Internet