Agro Olhar

Segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Notícias / Economia

Horário de verão termina no domingo e relógios devem ser atrasados em uma hora

Da Redação - Wesley Santiago

17 Fev 2017 - 11:30

Foto: Reprodução

Horário de verão termina no domingo e relógios devem ser atrasados em uma hora
O horário brasileiro de verão chega ao fim à 00h do próximo domingo (19). Com isto, os moradores dos Estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, além do Distrito Federal, terão uma hora a mais no sábado (18) para aproveitar a noite. Isso porque os relógios deverão ser atrasados em uma hora. A estimativa do Ministério de Minas e Energia é economizar R$ 147,5 milhões.

Leia mais:
Horário de verão começa à meia-noite e mato-grossenses devem adiantar relógios em uma hora
 
O principal objetivo do horário de verão é aproveitar melhor a luz solar durante esse período, sobretudo nos horários de pico, além de conscientizar as pessoas sobre o uso da energia. A estimativa do Ministério de Minas e Energia, que deve divulgar um balanço na próxima semana, era de economizar R$ 147,5 milhões.

Na edição passada, Mato Grosso registrou uma redução de 4,64% na demanda por energia elétrica no horário de ponta (18h às 21h). O desempenho foi inferior aos 4,81% constatados em no período 2014/2015. Os números são da concessionária Energisa. 
 
O horário de verão foi instituído pela primeira vez no Brasil no verão de 1931/1932, cuja duração foi de quase meio ano, vigorando de 3 de outubro de 1931 até 31 de março de 1932. Atualmente, a medida é empregada sempre a partir do terceiro domingo de outubro até o terceiro domingo de fevereiro do ano seguinte. A alteração não vigora nos Estados do Norte e Nordeste.
 
A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) informou que no caso das viagens, o horário de embarque marcado no bilhete já está atualizado, contando com a mudança. Em caso de dúvida, o passageiro deve ligar para a companhia aérea. Esta foi a 41ª edição do horário de verão no país.

Fim do horário de verão em Mato Grosso

Recentemente o deputado federal Rogério Galli (PSC) encaminhou um ofício ao governador Pedro Taques solicitando a realização de uma consulta pública para debater o fim do horário de verão em Mato Grosso, tendo em visto o baixo consumo no Estado, em comparação a média nacional e supostos riscos as pessoas que saem muito cedo para escola ou trabalho.

3 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • XIKO
    18 Fev 2017 às 20:54

    Isso é mais uma enganação para o povo, esse horário e bom para políticos que não trabalha.

  • cleber
    18 Fev 2017 às 10:59

    e esse pedro taques nem ai para o deputado mais as eleições ta chegando ai vem pedir voto

  • Chico
    17 Fev 2017 às 16:12

    Tem é que acabar com essa m... de horario de verão, pois não há reduçao nenhuma, só aumenta o valor da energia, concordo com a ideia do nobre deputado, mas o certo é acabar com esse horario aqui em M.T..

Sitevip Internet