Agro Olhar

Sábado, 19 de agosto de 2017

Notícias / Pecuária

Indea cadastra granjas em Sorriso e realiza vigilância veterinária contra focos de doenças

Da Redação - Viviane Petroli

18 Jun 2017 - 09:26

Foto: Reprodução/Internet/Ilustração

Indea cadastra granjas em Sorriso e realiza vigilância veterinária contra focos de doenças
O Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso (Indea-MT) fará em Sorriso, até o dia 28 de julho, um trabalho de atualização cadastral de propriedades rurais com aves, suínos, caprinos, ovinos, bovídeos, equídeos e animais aquáticos. As visitas serão realizadas por um médico veterinário e um agente fiscal do órgão em propriedades localizadas num raio de 10 km de granjas avícolas comerciais, inclusive de atividade agrícola.

Leia mais:
Vazio sanitário da soja começa dia 15 em Mato Grosso e outros quatro estados
 
Os trabalhos, a serem desempenhados por quatro equipes do Indea-MT, fazem parte de um convênio com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e conta com a parceria da Prefeitura de Sorriso.
 
Além do cadastramento de propriedades com aves, suínos, caprinos, ovinos, bovídeos, equídeos e animais aquáticos, os trabalhos visam à realização de vigilância veterinária, para detecção precoce de possíveis focos de doenças infectocontagiosas de notificação compulsória e enfermidades confundíveis.
 
Conforme o Indea, a expectativa é que sejam visitadas todas as propriedades do município. A autarquia revela que são em torno de 1.400 cadastros no seu sistema. Também serão visitadas áreas de posse e reservas indígenas.
 
As equipes contarão com o apoio da unidade local de Sorriso e da unidade regional de Lucas do Rio Verde (334 km ao Norte da Capital).
 
“Esse trabalho de vigilância e cadastramento de propriedades é fundamental para resguardar o plantel e, consequentemente, a economia gerada pela atividade”, pontua a diretora técnica do Indea, Daniella Soares.
 
Outros municípios fortes na avicultura já passaram pela mesma ação, como Nova Mutum, Lucas do Rio Verde e Tangará da Serra.
 
O Indea comenta ainda que, além do cadastramento das propriedades rurais, será realizado um projeto de educação sanitária voltado para a criação de aves de subsistência, com o tema “Criando aves com saúde”, que será executado em propriedades de criação de aves de subsistência, com distribuição de cartilhas.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet