Agro Olhar

Quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Notícias / Economia

Temer se auto-elogia e diz estar do lado dos empresários em inauguração de usina em MT

Da Redação - André Garcia Santana

12 Ago 2017 - 08:30

Foto: Reprodução/Gcom MT

Temer se auto-elogia e diz estar do lado dos empresários em inauguração de usina em MT
“Não tratamos o empresário como alguém que está a margem da sociedade, nós tratamos o empresário como alguém que auxilia o governo”. Esta foi uma das falas do presidente Michel Temer (PMDB), na manhã desta sexta-feira (11), na inauguração da primeira usina de etanol de milho do Brasil, em Lucas do Rio Verde. Mesmo diante de sua impopularidade, o gestor se auto-elogiou, destacando a importância das reformas aprovadas pelo governo. Além disso, falou sobre a força agronegócio, que, de acordo com ele, garantiu crescimento de 1% no valor do Produto Interno Bruto (PIB).

Leia mais:
Sob protesto e "repúdio" da população, Temer chega em MT para inauguração de usina e colheita de algodão; veja fotos

Entusiasmado com o empreendimento, o presidente lembrou que quando assumiu o cargo, há 15 meses, o índice Risco Brasil, que estava em mais de 470 pontos negativos hoje está em 95, com expectativa de redução. “Quando eu venho aqui eu venho com a sensação de que o Brasil prospera e confia no que estamos fazendo, ninguém investe sem saber que mais adiante terá lucros e rentabilidade financeira mais que legítimas. Não tratamos o empresário como alguém que está a margem da sociedade, nós tratamos o empresário como alguém que auxilia o governo.”

Ao longo do discurso também elogiou a atuação do ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Blairo Maggi (PP). “Eu tive muita sabedoria assim que assumi o governo de chamar o blairo para a agricultura, porque tinha convicção de que deveria trazer para esta área alguém que a conhecessem em profundidade. O Blairo fez o que não se fez em 15 anos no Brasil.”

Temer afirmou ainda que uma das marcas fundamentais de seu governo é o diálogo, tanto com o congresso nacional quanto com a sociedade, o que teria permitido a aprovação de medidas como a reforma do ensino médio e trabalhista. “É um trabalho que vem sendo desenvolvido responsavelmente e que encontra na minha equipe os fundamentos administrativos para levarmos adiante esse planejamento. Acho que estou sendo mais que corajoso, estão sendo ousado. São matérias que ficaram anos e anos paralisadas e estamos dando seqüência”, disse.

O presidente lembrou que quando assumiu o cargo a inflação estava acima de 10%, tendo caído, ao longo de 15 meses, para 3%. A taxa Selic, por sua vez, era de 14,25, e foi para 9,25. Maggi, por sua vez, falou sobre a importância do estado para a economia do país, em especial no que diz respeito a produção de algodão, que corresponde a 67% da safra nacional, e de milho. Para ele, não é possível investir apenas em soja, já que as outras culturas devem ganhar espaço para garantir lucratividade.

“O Mato Grosso produz 30 milhões de toneladas de milho e precisa de apoio governamental para escoar. Então esse empreendimento que começa com 600 mil de toneladas já sendo consumidas, se multiplicado, vai retirar milhares de toneladas da demanda que sobra no Estado. Por isso a importância desse empreendimento, não só pela geração de emprego, mas também pela possibilidade de alojar um produto abundante”, ressaltou o ministro.

Segundo ele os Estados Unidos tem um programa de etanol só a base de milho que é muito maior do que o nosso. Assim, a grande vantagem desse sistema é que a implantação, que não exige mudanças no cenário produtivo. “Não precisou trocar agricultor, máquina, nada. O mesmo processo agrícola que tem pra produção de grãos, você tem aqui. Não estamos inventando uma coisa, nós olhamos para o que o americano fez e deu muito certo”, disse. 

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • moreira
    12 Ago 2017 às 11:36

    Valeu Presidente,MT vai além,não para,visite-o sempre.

Sitevip Internet