Agro Olhar

Quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Notícias / Geral

Governo destaca privatizações e Zona de Processamento e Exportação em feira com investidores internacionais

Da Redação - André Garcia Santana

09 Nov 2017 - 13:27

Foto: Reprodução/Google Street View

Governo destaca privatizações e Zona de Processamento e Exportação em feira com investidores internacionais
A Zona de Processamento e Exportação de Mato Grosso, parque tecnológico, infovia, e concessão de aeroportos e estradas foram alguns dos projetos apresentados à investidores chineses na quarta-feira (8), em Pequim. A comitiva do Estado destacou as potencialidades de comércio e negócio com a região durante a Exposição Internacional China, América Latina e Caribe - CLAC,  feira realizada na cidade de Zhuhai, localizada na província de Guangdong, a mais rica da China.

Leia mais:
Empresas chinesas devem construir fábricas de placas solares e drones agrícolas em MT

Esta é a primeira edição da feira promovida pelo governo chinês em parceria com os governos subnacionais e que tem o objetivo de promover negócios, comércio, cultura, turismo e esporte entre a China e as cidades da América Latina e Caribe. O governador Pedro Taques participou da abertura nesta quinta-feira (09.11). Ele e a comitiva mato-grossense presente tiveram os custos da viagem e o estande da feira custeados pela organização do evento.
 
A empresa mato-grossense Casa do Peixe está buscando abertura no mercado asiático e também está presente na feira apresentando seus produtos. O seu presidente, Cássio Ferraz, está empolgado com a possibilidade de negócio. “Estamos abrindo mercado, já temos algumas reuniões nesse mercado que nos interessa muito. Vamos comercializar filé e costelinha de tambaqui, com possibilidade de quatro a cinco contêiners por mês”.

De acordo com a Secretaria de Estado de Comunicação (Secom-MT), além da abertura, o governador também representou o Estado no painel Desenvolvimento, Comércio e Oportunidades para Províncias e Cidades da América Latina. Foi uma oportunidade para mostrar o Estado e suas potencialidades para empresários chineses. 
 
“Esperamos receber os empresas chinesas e compartilhar com elas todas essas oportunidades que o estado de Mato Grosso oferece. Nós alimentamos o mundo e pretendemos industrializar nossa produção para gerar mais emprego e riqueza ao nosso povo”, disse o governador. 
 
Desde 2014 o governo central chinês colocou a América Latina como foco estratégico e tem estimulado os investimentos fora do país. Guo Yuanqiang, secretário da Zona de Comércio de Zhuhai, explicou que o governo do presidente Xi Jinping estabeleceu novas relações com os países da América Latina e que a abertura econômica da China vai continuar avançando. 
 
Nesta sexta-feira, o governador segue para Shangai e, no sábado, para Bonn, Alemanha, onde participará da COP 23.
 

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Joelma
    09 Nov 2017 às 19:25

    Privatização é sinônimo de incompetência administrativa.

Sitevip Internet