Agro Olhar

Quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Notícias / Política

Ministério da Agricultura pode ficar responsável por registro de máquinas agrícolas

Da Redação - Viviane Petroli

18 Jun 2015 - 09:25

Foto: Reprodução/Internet/Ilustração

Ministério da Agricultura pode ficar responsável por registro de máquinas agrícolas
O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) poderá ficar responsável pelo registro de tratores e máquinas agrícolas fabricados a partir de 1º de janeiro do ano que vem. O registro seria feito através das delegacias do Ministério ou por meio de convênio. A responsabilidade está prevista na Medida Provisória (MP) 673/2015, que dispensa de licenciamento e de emplacamento máquinas utilizadas no campo.

A responsabilidade destinada ao Ministério da Agricultura está prevista no relatório do o deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA), que tem como relator revisor o senado Blairo Maggi (PR-MT). O relatório foi aprovado na noite de quarta-feira (17) pela comissão mista destinada para analisar a Medida Provisória 673/15.

Leia mais:
Justiça obriga Sefaz a cobrar ICMS menor para máquinas vendidas até 2013
Projeto que suspende emplacamento de máquinas agrícola vai para a Câmara dos Deputados

Consta ainda no projeto de lei de conversão a isenção do pagamento de seguro obrigatório de tratores. Segundo a Agência Senado, ficou decidido que a cobertura de danos causados por este tipo de maquinário dependerá da contratação de seguro facultativo junto ao mercado privado.

Das 82 emendas apresentadas ao relatório apenas 13 foram aceitas pelo deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA).

A matéria pode ser alterada ainda pela Câmara Federal e pelo Senado quando destinada para votação em plenário.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet