Agro Olhar

Sábado, 25 de março de 2017

Notícias / Emprego

Prazo para mato-grossenses sacarem R$ 16 mi em PIS/Pasep 2014 termina nesta quinta-feira; veja se você é um deles

Da Redação - Viviane Petroli

29 Dez 2016 - 09:13

Foto: Reprodução/Internet/Ilustração

Prazo para mato-grossenses sacarem R$ 16 mi em PIS/Pasep 2014 termina nesta quinta-feira; veja se você é um deles
Termina nesta quinta-feira, 29 de dezembro, o prazo para 19.284 mato-grossenses sacarem o PIS/Pasep ano-base 2014 nas agências bancárias da Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil. São mais de R$ 16 milhões em benefícios para serem retirados no Estado. Segundo o Ministério do Trabalho, no Brasil mais de 900 mil trabalhadores ainda não buscaram o dinheiro do abono salarial PIS-Pasep ano-base 2014, estão ainda mais de R$ 794 milhões disponíveis.

Nas agências bancárias o abono salarial poderá ser retirado somente até hoje (29/12). Contudo, aqueles que possuem o Cartão Cidadão e senha registrada poderão fazer o saque em terminais de autoatendimento da Caixa e casas lotéricas até sexta-feira, 30 de dezembro (as agências não abrirão na data para atendimento).

Leia mais:
Dezenove mil ainda devem sacar cerca de R$ 16 mi do PIS em Mato Grosso; veja se você é um deles

O prazo para saque começou em julho de 2015 e terminou em junho deste ano. Confira aqui se você é um dos beneficiados em Mato Grosso e aqui nos demais Estados. Outra opção do trabalhador é a Central de Atendimento Alô Trabalho, que atende pelo número 158 e também dá informações sobre o PIS/Pasep.

Em Mato Grosso, de acordo com o Ministério do Trabalho, não buscaram o benefício do abono salarial PIS/Pasep ano-base 2014 até o dia 30 de junho deste ano um total de 26.353 mato-grossenses. Destes beneficiados apenas 7.069 haviam efetuado o saque de R$ 880 até o dia 26 de dezembro, o que significa um volume de R$ 6,1 milhões pagos.

Possuem direito ao benefício do Abono Salarial ano-base 2014 aqueles que estiverem inscritos no PIS/Pasep há cinco anos ou mais e trabalhou com carteira assinada por pelo menos 30 dias naquele ano com remuneração mensal média de até dois salários mínimos. Para a retirada do benefício é preciso ainda que o trabalhador tenha seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Gracieli
    30 Dez 2016 às 09:42

    Eu n gostei vcs falaram q eu pegaria e vcs n me deram falaram q estava na minha conta e n estava lá eu acho um falta de respeito comigo .

Sitevip Internet