Olhar Conceito

Terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Colunas

Como ter um dia bom

Autor: Isolda Risso

20 Jul 2017 - 09:27

Arquivo Pessoal

Todos querem ter o prazer de viver um dia bom, mas poucos sabem o que é necessário fazer para que seu dia seja bom.

Um dia bom começa ao acordar, antes de sair de casa para o trabalho.

Teremos um bom dia a partir do momento que decidimos encarar as ocorrências negativas do cotidiano sem dramaticidade, sem colocar mais tinta no que já esta colorido. Para ter um dia bom, é preciso abandonar tudo que não irá agregar naquele dia e na sua vida, agregando tudo que possa transformá-lo em um dia leve e prazeroso. Busque coisas que te eleve.

Para que seu dia seja bom, é necessário concentrar-se em deixar a vida mais simples. A maioria das complicações da vida é provocada por nós mesmos, pela facilidade que temos em transformar a coisa mais simples em algo complexo. Exclua o que não faz mais sentido, o que já deveria ter ido embora, e por apego, insegurança ou posse, fica atrelado acumulando lixo emocional.

Assim como de tempos em tempos limpamos nossos armários e retiramos as peças que estão ali só entulhando o guarda roupa, devemos vez e outra tirar um dia para reavaliar se o que me era emocionalmente útil ontem, tem a mesa eficiência hoje. Às vezes a vida muda, e por estarmos amarrados no passado nem nos damos conta de que não é mais necessário cultivar certos sentimentos e apresentar os mesmos comportamentos.

Roupas, sapatos, sentimentos e crenças que não sejam absolutamente utilizáveis e saudáveis, impedem que sejamos renovados. Ao desapegar-se do que não usa mais, você abre espaço para que roupas novas entrem no armário e te proporcione looks mais modernos, mais atuais, joviais. Caso contrário sempre terá uma aparência de estar fora de época. Quanto aos sentimentos ocorre o mesmo, ficar preso ao que passou vai te limitar, enferrujar, impedindo viver dias melhores.

Pratique o desapego.

Tem situações que provoca ansiedade, tensão, aborrecimentos e realmente não temos como escapar, mas há outras que são inseridas no nosso dia por nós mesmos. Impor-se uma agenda com 400 itens para se fazer em um só dia, vai te gerar ansiedade e sentimento de ineficiência. Impossível ser eficaz impondo metas inatingíveis, o mais inteligente é estabelecer metas realistas.

Estabeleça prioridades e faça a distinção entre o que é emergência e urgência. Resolva o que é mais importante e deixe as coisas menores para serem feitas ao longo do dia ou da semana. Seja disciplinado, a princípio disciplinar-se gera desconforto, depois a disciplina facilitará muito sua vida, ser disciplinado abre espaço na agenda diária, sobrando tempo para dedicar a você. Tendo mais tempo para fazer o que gosta, o que te da prazer, você se sentira mais feliz, mais leve e consequentemente mais eficiente.

Reconheça o que já conquistou, o que você tem de bom, ficar focado no que pode ser melhor, no que esta ruim, no que falou, no que deveria ter falado,no que fez ou deixou de fazer, fará teus dias péssimos. 

Sempre podemos e devemos melhorar, mas sem se martirizar.

Não se transforme em seu algoz.

Não se critique tanto, seja mais gentil contigo, deixe a rigidez para as pedras e os metais, rigidez no ser humano atrofia o raciocínio.

E para concluir nossa conversa, não se leve tão a sério, rir de si mesmo é uma ferramenta poderosa para se obter um dia bom.

Um abraço
 
*Isolda Risso é Personal & Professional Coaching Executive, Xtreme Life Coaching, Neurociência no Processo de Coaching, Programação Neurolinguística (PNL) pedagoga por formação, cronista, retratista do cotidiano, empresária, Idealizadora do Café Com Afeto, mãe, aprendiz da vida, viajante no tempo, um Ser em permanente evolução. Uma de suas fontes prediletas é a Arte. Desde muito cedo Isolda busca nos livros e na Filosofia um meio de entender a si, como forma de poder sentir-se mais à vontade na própria pele. Ela acredita que o Ser humano traz amarras milenares nas células e só por meio do conhecimento, iniciando pelo autoconhecimento

5 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Roberto A
    21 Ago 2017 às 13:43

    Artigo maravilhoso! Meus parabéns. Abrax

  • henrique dias
    31 Jul 2017 às 20:55

    Parabéns pelo texto, merece ser lido sempre. Identificar os hábitos que não nos acrescentam mais nada e posteriormente nos desapegarmos deles é um grande desafio. Por que continuo fazendo o que não gostaria de estar fazendo?

  • Evelym
    20 Jul 2017 às 16:23

    Muito bom!

  • neto
    20 Jul 2017 às 11:27

    texto perfeito. todos deveriam praticar no seu dia a dia

  • Lima
    20 Jul 2017 às 10:02

    Eu tenho uma receita que comigo, funciona muito bem, para tanto, internalizei que só leio jornais as terças e quintas, nos outros dias, fico leve e feliz.

Redes Sociais

Sitevip Internet