Olhar Conceito

Quarta-feira, 26 de julho de 2017

Notícias / Diversão e Lazer

Casa de Cuiabá oferece jogos interativos em que o único objetivo é conseguir sair deles

Da Redação - Isabela Mercuri

15 Fev 2017 - 09:20

Foto: Rogério Florentino Pereira / Olhar Direto

Casa de Cuiabá oferece jogos interativos em que o único objetivo é conseguir sair deles
Você é um perito criminal que descobriu o laboratório dos traficantes de metanfetamina, e precisa das provas para detê-los. Quando chega ao local, no entanto, você se dá conta de que seu inimigo já sabe onde você está e, se você não encontrar a chave para sair dali em uma hora, vai morrer intoxicado por um gás mortal. Este é um dos cenários do ‘Escape se Puder’, jogo interativo inaugurado em Cuiabá há um mês, e que tem por objetivo oferecer uma nova opção de entretenimento em grupo.


Laboratório de metanfetamina (Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto)

Leia também:

Após 30 anos trabalhando em salão, cuiabano abre espaço que une barbearia, café e bar

A empresa é a primeira do ramo em Cuiabá, mas inspirada em casas parecidas dos grandes centros. “Este tipo de jogo surgiu online, e há cerca de sete anos, no Japão, foi criado o ‘Escape Room’. Rapidamente este tipo de atividade se espalhou pela Europa e Estados Unidos, e depois chegou ao Brasil”, contou Leonardo Otake, recepcionista do ‘Escape se Puder’, ao Olhar Conceito.

A ideia é simples: os jogadores são trancados em uma sala e tem que prestar atenção a todos os sinais, pistas e dicas para descobrir como sair dali. Durante sessenta minutos, os funcionários da casa observam quem está jogando, dão dicas e podem – eventualmente – abrir a porta se alguém se sentir mal. Dentro da sala, os participantes têm de trabalhar em grupo para desvendar as pistas que aparecem aos poucos.

Além do laboratório de metanfetamina, o ‘Escape se Puder’ possui outra sala em que o objetivo é encontrar a herança de Ester, sua ‘tia velha’ que desconfia que toda a família quer lhe roubar. Os participantes deste jogo são os únicos que a tia confia, e devem recuperar seus pertences pessoais que estão escondidos atrás de armadilhas e truques. Mais uma sala está em construção, a ‘The Safe House’, que tem com pano de fundo a vida dos agentes secretos.


'Casa da Tia Esther' é uma das salas (Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto)

“A ideia é construir mais salas com o passar do tempo, e depois mudar as que estão aqui, ter rotatividade”, explica Maria Conceição Lima, gerente da ‘Escape’. Segundo a gestora, os proprietários da empresa se mudaram de Cuiabá há dois anos, mas por enxergar uma oportunidade aqui e por gostar da cidade, decidiram investir mesmo à distância.

A idade mínima para participar dos jogos é de 12 anos, e não há idade máxima ou qualquer contra-indicação. A sugestão é que cada grupo tenha de quatro a oito pessoas para jogar, já que o que ajuda é o trabalho em grupo. “Tem uma placa na sala que a pessoa pode usar para pedir dicas ou para pedir para sair, caso se sinta mal ou precise ir ao banheiro”, explica Leonardo.


Conceição e Leonardo cuidam da empresa (Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto)

O preço para participar da brincadeira, por pessoa, é de R$65, mas a ‘Escape se Puder’ sempre lança promoções em suas redes sociais. A casa fica aberta de terça a domingo, das 14h às 23h e aos sábados das 11h às 22h30. Para mais informações, acesse a FAN PAGE ou o SITE.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Karoliny Rosiane de Arruda
    15 Fev 2017 às 18:50

    Em Cuiabá?!! :o tão pertinhoo!!! uhuuull..... Gosto tanto de jogos de escape.... assim que for de férias preciso conhecer o Escape se Puder com certezaaaaaaa!!!!

Sitevip Internet