Olhar Conceito

Quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Notícias / Artes visuais

Artista plástica realiza um dos maiores projetos de arte sacra em Lucas do Rio Verde

Da Redação - Stéfanie Medeiros

09 Ago 2014 - 17:56

Foto: Jairo Backes

Artista plástica realiza um dos maiores projetos de arte sacra em Lucas do Rio Verde
Um painel de 7 metros de altura e 11 de comprimento chama a atenção dos moradores de Lucas do Rio Verde. Ele é apenas a primeira peça de um dos quatro grandes painéis que farão parte da igreja Rosa Mística. E a artista por trás desta obra de arte é Mari Bueno, que trabalha para completar uma grande exposição permanente de arte sacra no município.

Leia mais: Concurso "Cuiabá eu te amo" irá premiar as três melhores fotos da cidade

A inauguração da igreja está marcada para o dia 8 de novembro e a conclusão da obra, no mês de outubro. À artista plástica, especializada na produção de arte sacra em grandes proporções, fica reservada ainda a tarefa de produzir mais três painéis pintados à mão (de 7m x 7,5m), outros 15 painéis em mosaico de pastilhas de vidro, que retratarão a Via Sacra e a cruz de vidro com a técnica de corrosão. Mari Bueno ainda fará o painel do presbitério principal, os vitrais e oitões da igreja, que estão prontos e já foram instalados. “Retorno à Lucas do Rio Verde dia 1° de setembro, e a partir daí, fico lá todas as semanas, até finalizar todas as obras. Faltam mais dois meses de trabalho para concluir”, explica Mari Bueno.

De acordo com a assessoria, o responsável pela paróquia da Rosa Mística - onde as obras têm sido realizadas -, padre Odilo, destaca que uma grande movimentação se projeta no entorno, acompanhada com ansiedade pelos fiéis. As obras da igreja haviam sido interrompidas em 2009 por falta de fundos. O projeto aprovado pelo Ministério da Cultura impulsiona a realização de um sonho. “Agora estamos trabalhando na jardinagem e finalizando a pintura externa e parte elétrica. Dia 1° de setembro já teremos um casamento na igreja, mas celebrações só a partir de novembro. Enquanto isso, muita gente tem entrado na igreja para ver como está o trabalho da Mari Bueno, ver de perto a edificação e as obras. Está ficando bem bonita”, se emociona.

A partir de agora, Mari se divide entre a produção artística que homenageia Nossa Senhora da Rosa Mística e a exposição individual que começa no dia 11 de agosto, em Portugal. A exposição ‘Maria Discípula Missionária’, um trabalho que retrata a vida da Virgem Maria, recentemente foi exibida no Museu de Arte Sacra, em Fátima e agora segue para a cidade de Viseu, onde fica até novembro, no Museu da Misericórdia. Enquanto isso, quem quiser conhecer um pouco mais o trabalho da artista pode ir à sua galeria em Sinop, aberta à visitação de segunda a sexta-feira, em horário comercial. Lá estão 80 obras expostas”. Vale ressaltar, também em Sinop, Mari Bueno desenvolveu trabalho semelhante, na catedral da cidade.

Personalidades da produção cultural em Mato Grosso ressaltam o valor da produção cultural. “O projeto Cores da Rosa Mística poderá vir a ser uma das maiores obras artísticas do Estado”, afirma a coordenadora do projeto, Viviene Lozi, que possui know how na área por conta de sua atuação junto ao Museu de Arte Sacra, em Cuiabá.
 
Este projeto é uma realização da Associação dos Produtores Culturais de Mato Grosso com patrocínio do Ministério da Cultura, via Lei Rouanet e conta com o apoio das empresas Agro Baggio, Vipagro, Amazônia Máquinas, Dipagro, Bombonatto Industria de Alimentos, Lojas Martinello e Fiagril.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Redes Sociais

Sitevip Internet