Olhar Conceito

Segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Notícias / Cinema

Documentário sobre a comunidade São Gonçalo Beira Rio é lançado nesta sexta no local

Da Redação - Isabela Mercuri

25 Set 2015 - 14:10

Foto: Reprodução / Da Assessoria

Documentário sobre a comunidade São Gonçalo Beira Rio é lançado nesta sexta no local
Um documentário que mostra a cultura dos ribeirinhos de Cuiabá e principalmente da comunidade São Gonçalo Beira Rio será lançado nesta sexta-feira (25), no Centro Cultural Antônio Lopes, às 20h. ‘Tauá – um rasqueado lá daquela gente boa’ é inspirado na música ‘Suja de Tauá’ e fala sobre o rasqueado, o cururu e o siriri.

Leia mais:
Documentarista de Guiratinga faz filme sobre o Hospital Santa Maria Bertila e Dom Camilo
'Que Horas Ela Volta' estreia em Cuiabá após apelo de estudantes e apoio da diretora do filme

O documentário é dirigido por Diogo Diógenes e Brás Rubson, e traz como personagens principais Domingas da Silva, do grupo Flor Ribeirinha, Seu Dito, pescador, Seu Bagi, cururueiro, e Dona Alice, ceramista. Os personagens comentam a música, escrita por Ronaldo Muniz, Daniel de Paula e Agnaldo Borges (falecido) e, ao mesmo tempo, mergulham em sua própria história de vida.

De acordo com o diretor, a intenção era fazer algo inédito, usando os ícones da cultura local: “Tinha fascínio pela música e queria fazer algo com ela. Foi então que pensamos em mesclar a música com as histórias dos ribeirinhos, que contam sua própria história e o desafio de manter a continuidade da cultura, já que as novas gerações não têm tanto interesse pelas danças tradicionais. O lançamento será simbólico, nesta sexta-feira, pois pela primeira vez a comunidade poderá assistir o que foi feito na terra deles”.

Tauá é o barro usado para pintar as peças de cerâmicas produzidas pelo artesanato local: “No filme e na música é o tauá que dá o colorido à história dessa gente boa e seu orgulho de ser fonte da cultura cuiabana. O São Gonçalo Beira Rio é a essência da cultura mato-grossense, por isso não há como falar das expressões culturais de Mato Grosso sem falar de São Gonçalo. Neste sentido, os relatos giram entorno do Seu Candi (curureiro), que é a maior expressão cultural da região e um dos fundadores do Grupo Flor Ribeirinha. Entre nossos personagens está Dona Domingas, que é sobrinha de Candi”, argumenta Rubson.

O filme contou com o apoio do Serviço Social da Indústria (Sesi-MT), e segundo o superintendente da instituição, é de extrema importância investir na cultura: “A cultura mato-grossense é riquíssima e precisa ser mantida. O São Gonçalo Beira Rio é uma região de grande representatividade desta nossa particularidade, que é o Rasqueado, o Cururu e o Siriri. Por isso, prontamente o Sesi deu o apoio necessário para a produção deste documentário tão valioso”, frisa Dorte.

O documentário será exibido nesta sexta-feira (25), e depois, na próxima quinta (1) no Sesc Arsenal. Depois disso, vai concorrer em 20 festivais internacionais. “Queremos levar Mato Grosso e sua cultura para o mundo todo”, revela Diógenes.

Assista ao trailer:



Serviço

Lançamento do curta-metragem: ‘Tauá – um rasqueado lá daquela gente boa’.
Local: Centro Cultural Antônio Lopes, comunidade São Gonçalo Beira Rio
Data: 25/09
Horário: 20h

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Maria Aparecida
    25 Set 2015 às 15:35

    Importante destacar os demais profissionais que contribuíram com a realização desse documentário e também do apoio da UFMT

Sitevip Internet