Olhar Conceito

Terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Notícias / Turismo

Em congruência com declaração da ONU, FIT Pantanal terá como tema "Turismo Sustentável para o Desenvolvimento"

Da Redação - Isabela Mercuri

11 Jan 2017 - 16:42

Foto: Rogério Florentino Pereira / Olhar Direto

Em congruência com declaração da ONU, FIT Pantanal terá como tema
A Feira Internacional de Turismo do Pantanal (FIT) de 2017 acontece em abril, dos dias 20 a 23, no Centro de Eventos do Pantanal. O tema escolhido para este ano será “Turismo Sustentável para o Desenvolvimento”, em congruência à adoção deste ano, pela Organização das Nações Unidas (ONU) como o “Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento”.

Leia mais:

Chapada dos Guimarães e Pantanal são destaques na sessão 'Viagens' da UOL

O lançamento do FIT acontece no próximo dia 30 de janeiro e, segundo o secretário adjunto de turismo, Luiz Carlos Nigro, o tema vem a calhar com a situação de Mato Grosso: “No ano passado o tema da FIT foi ‘Turismo: Um grande negócio’, e neste ano o foco é a sustentabilidade, o que tem tudo a ver porque quase todos os atrativos turísticos que temos no estado dependem da sustentabilidade”, disse.

Chapada, Bom Jardim, Pantanal, Araguaia: quase todos os atrativos do estado, caso não sejam administrados com zelo ao meio ambiente, podem ser extintos. Assim como eles, diversos outros locais do mundo dependem do ‘bom senso’ do trade e dos turistas. Essa premissa levou a ONU a aprovar a nomeação.

No site do Ministério do Turismo, em publicação do último dia 02 de janeiro, a assessoria explicou que “A meta da Organização Mundial do Turismo (OMT) ao designar 2017 como o Ano Internacional do Turismo Sustentável é ampliar a compreensão e conscientização da importância do turismo no compartilhamento do patrimônio natural, cultural e distribuição da riqueza proporcionada pelas viagens”.

Ainda de acordo com o Ministério, foram definidos dezessete objetivos do desenvolvimento sustentável (ODS), e dentre eles, três falam do turismo: “8º) Promover crescimento econômico sustentável e inclusivo, emprego pleno e produtivo e trabalho decente para todos; 12º) Consumo e produção sustentável; e 14º) Conservação e uso sustentável dos oceanos, mares e fontes marinhas para o desenvolvimento sustentável”.

Em Cuiabá, a FIT será lançada no próximo dia 30 de janeiro no Sebrae. “Escolhemos o Sebrae também porque é o único serviço que possui um centro de sustentabilidade no Brasil”, explica Nigro.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Thiago Cagna
    13 Jan 2017 às 07:29

    Muito bom o tema escolhido para a FIT deste ano...na verdade esse poderia ser o tema todos os anos!! O turismo pode ajudar muito o planeta através da implementação de ações de sustentabilidade. Além de ajudar com as ações em si, também possui grande poder de conscientização, já que os turistas passam a conhecer pessoalmente as ações desenvolvidas. Aproveito para convidá-los a conhecer o Portal EcoHospedagem (www.ecohospedagem.com) que há mais de 5 anos visa incentivar práticas de sustentabilidade no turismo. Um abraço, Thiago Cagna

  • joão de deus ferreira
    12 Jan 2017 às 12:18

    A SECA A seca é um fenômeno cruel, que está corroendo até aquele pouquinho de dinheiro da alimentação de milhares de famílias. O povo brasileiro está sendo humilhados por políticos incompetentes, que não tem um só projeto para lhes tirar dos inúmeros buracos que vocês estão sendo lançados. O Governo Federal está nos conduzindo a um caminho sem volta, quem tem fome não pode esperar, o Gov. Federal se esconde quando falamos em meio ambiente, que é o meio mais barato para se criar empregos para os menos esclarecidos, eles não se interessa e não sabem quais são as necessidades que estão sofrendo o povo pobre em todo Brasil. A fome, a saúde, o desemprego, e o medo de andar pelas ruas, lhes proporciona uma grande sensação de estar condenados por um crime que não comentemos. O Governo Federal autoriza Agro- negócio a produzir proteínas que está adoecendo os consumidores de peixes e crustáceos produzidos em cativeiros, e sem fiscalização sanitária, quando vocês encontrar animais com tamanho menor que o de costume, é descarte, bem como a inflação baixa, é desova de mercadorias antigas, enxugando os estoques, todo doente quando está perto de morrer tem uma saudezinha, por isso a alegria do TEMER. TEMER você sabe que no BRASIL tem muita gente passando fome com suas ideias. Com a falta de hombridade dos políticos para com seus eleitores, eu JOÃO DE DEUS FERREIRA, aconselho a todos os Nordestinos e Sudestinos a procurar Governo do seu estado, Empresas, juntamente com suas associações comerciais, para ajudar a recuperar alguns rios importantes em seu estado. Como rios água dos ferros, Cachoeiro, Cocó, Jequitinhonha, Ipojuca, Jucu, Formate, Guandu, Paraíba, Paraíba do Sul, Poxim, Potegi, Poty, São Francisco, Velho Monge, e etc. A minha maior tristeza é saber que um rio que passa por dois estados importantíssimos estão deixando o rio poty morrer, o rio poty está com dificuldade de dissolver as escorias dos movimentos das rochas, e esgotos, por esta ação os peixes e os crustáceas estão morrendo, e se não cuidar com rapidez os gases poderão ganhar aquecimento e além do mais, o rio Poty não está produzindo alimento para os seus viveres por falta de vegetais nas suas margens, incluindo o cânio. Piauí E CEARÁ vamos ou não vamos cuidar do rio POTY responda a sociedade? EU JD conheço um vizinho que pode fazer um cinturão verde no rio poty, e produzir alimento para matar a fome de ricos e pobres, e aumentar o volume de água como antes, e fazer esta região se desenvolver com empregos. Espero que cada jornal envie este para seu Governo e associação comercial. O PODEROSO DEUS ESTÁ REUNINDO A SUA IGREJA E LÁ NÃO TEM SACOLINHA. JOÃO DE DEUS FERREIRA O HOMEM.

Sitevip Internet