Notícias / Concursos

09/06/2017 - 11:15

Estado aguarda notificação para elaborar cronograma de concurso com salário de R$ 19 mil

Da Redação - Patrícia Neves

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

Estado aguarda notificação para elaborar cronograma de concurso com salário de R$ 19 mil
 A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) aguarda ser notificada oficialmente para reabertura das inscrições e a alteração do cronograma previsto do concurso público para o cargo de delegado da Polícia Civil. Na semana passada, a Defensoria Pública de Mato Grosso obteve liminar favorável  em ação civil pública proposta no início de maio que questionava os critérios de idade mínima e máxima admitida para os candidatos. O salário ofertado é de R$ 19.316,49 para uma jornada de 40 horas semanais.

Leia Mais:
Concurso para delegado tem inscrições reabertas após pedido da Defensoria Pública

Por meio da imprensa, a secretaria tomou conhecimento da liminar ingressada pela Defensoria Pública e acatada juiz Luís Aparecido Bortolussi Júnior, da Vara Especialização de Ação Civil Pública e Ação Popular que retira a obrigatoriedade de idade máxima de 45 anos para concorrer ao cargo.

O secretário de Estado de Segurança Pública, Rogers Jarbas, orienta aos candidatos que suspendam os investimentos com passagens e estadia e que aguardem a publicação do novo cronograma até que o Estado seja notificado.

“Pedimos aos candidatos que aguardem, assim que formos notificados, vamos apresentar o novo cronograma para as etapas do concurso, que serão alteradas logo que a secretaria for notificada oficialmente da decisão judicial”, destacou.

A proposta de realização do concurso integra o plano de reestruturação do Governo do Estado para Segurança Pública dando condições de trabalho ao efetivo, investindo em equipamentos, qualificação e mobilidade.
De 2015 até 2017 ingressaram na forças de segurança 3663 novos profissionais. Além do concurso para delegado de polícia, até o próximo ano ainda deve ser realizado concurso para 100 soldados do Corpo de Bombeiros, 1200 policiais militares e 1200 policiais civis.

Nenhum comentário

comentar
Sitevip Internet