Olhar Direto

Sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Notícias / Cidades

Operação Lei Seca realiza 88 testes de alcoolemia em Cuiabá na madrugada deste sábado

Da Redação - Viviane Petroli

03 Jun 2017 - 14:57

Foto: Polícia Judiciária Civil

Operação Lei Seca realiza 88 testes de alcoolemia em Cuiabá na madrugada deste sábado
Oitenta e oito testes de alcoolemia foram realizados entre às 1h e 5h da madrugada deste sábado, 03 de junho, em proprietários de veículos que passaram pela Avenida Fernando Correa da Costa, em Cuiabá. As abordagens fizeram parte das ações da 15ª Operação Lei Seca, que resultou ainda em sete flagrantes por embriaguez ao volante e 30 carteiras de habilitação recolhidas.

Leia mais:
Empresário tem Fiat Strada furtado em pizzaria e oferece R$ 4 mil para quem o encontrar
 
Conforme informações da Polícia Judiciária Civil, as abordagens aos veículos na Avenida Fernando Correa da Costa resultaram na lavratura de 56 autos de infração de trânsito, entre eles 21 por direção de veículo sob efeito de álcool e 10 por recusa de se submeter a teste de alcoolemia, 33 veículos removidos, sete flagrantes por embriaguez ao volante e 30 carteiras de habilitação recolhidas.
 
Os trabalhos na madrugada deste sábado foram realizados por equipes da Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito (Deletran), da Polícia Judiciária Civil, Batalhão da Polícia Militar de Transito (BPMTran), Departamento de Trânsito do Estado de Mato Grosso (Detran), Grupo de Gestão Integrada (GGI) e Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob).
 
A 15ª Operação Lei Seca, contou ainda com o apoio da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos (DERRFVA) que contribuiu para apreensão de veículo Volkswagem Saveiro com motor adulterado.
 
“A DERRFVA começa a participar da operação Lei Seca com objetivo muito importante de atuar na repressão a roubos e furtos de veículos, mas vamos colaborar com todos os trabalhos realizados durante a blitz”, pontuou o delegado da DERRFVA, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira.

7 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Leandro
    06 Jun 2017 às 13:14

    Acho legal, fazer essa operação, mais séria seria melhor ainda se a lei fosse igual para todos, pq não fazem nas mediações da Praça popular la fica um bando de bêbados que saem dirigindo na cara dos policiais, será pq la esta a alta sociedade.

  • Henryq
    04 Jun 2017 às 19:12

    Parabens. Espero q aconteca mais a lei seca pois pessoas de bem estao morrendo por causa de irresponsaveis q atropela e mata pessoas inocentes por conta de bebida. Quer beber seja responsavel e nao dirija

  • Felipe
    04 Jun 2017 às 18:11

    eu só nao entendo porque fazer uma blitz ai. Se fizer a blitz na av getulio vargas e av isaac povoas vai pega beem mais gente que bebe e dirigi hehehe. Ai fica booom. e outra essa blitz ai dava pra ver da UFMT.. tava facil não cair nela.

  • Diogo
    04 Jun 2017 às 16:05

    Gostaria de ver essa atuação tão organizada para prender bandido, em vez de perseguir trabalhadores q ralam a semana toda e nem pode tomar uma no final de semana...

  • Junior
    04 Jun 2017 às 15:42

    Parabéns a todos os órgãos envolvidos. Tem que pegar mesmo esses bêbados. Quer beber??? Use os meios de transporte atual, vai sair bem mais barato que uma multa e apreensão e tbm o risco é 0% de vc matar alguém. Imagina digerir que vc matou alguém??? Vc conseguiria??? Eu não. Pense nisso. Álcool e direção #tofora

  • Álvaro Matos
    03 Jun 2017 às 22:09

    Por acaso se encontra táxi nas ruas de Cuiabá e Várzea Grande para que as pessoas saiam de casa para ir a restaurantes, bares, casamentos, eventos em geral? A economia das duas cidades e no Mato Grosso inteiro já anda muito ruim para que o governo do estado insista em tirar as pessoas das ruas à noite. Infelizmente, desde o governo Blairo Maggi que a ideia de segurança pública se tornou essa busca insana e meramente moralista aos motoristas. Achamos que ia se alterar com um governador mais culto, mas não está adiantando nada.

  • Jorge Mattos
    03 Jun 2017 às 17:03

    PARABENS A POLICIA MILITAR, É NECESSÁRIO ESSAS BLITZ DA LEI SECA. INFELIZMENTE AINDA TEM MUITOS QUE NÃO TEM CONSCIÊNCIA QUE ÁLCOOL E DIREÇÃO NÃO COMBINA.

Sitevip Internet