Olhar Direto

Quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Notícias / Cidades

Suspeito de matar ex-mulher morre após colidir moto em caminhão parado

Da Redação - Fabiana Mendes

14 Nov 2017 - 15:47

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Suspeito de matar ex-mulher morre após colidir moto em caminhão parado
José Antônio Caetano, 34 anos, morreu na madrugada desta terça-feira (14) após colidir frontalmente com sua motocicleta XTZ em um caminhão boiadeiro que estava parado, em uma rodovia na cidade de Araputanga (345 km de Cuiabá).  

O homem é suspeito de matar a ex-mulher Rita Jorge da Silva, 34, por não aceitar o fim do relacionamento no último domingo (12),  no bairro Jardim Primavera.

Leia Mais: 
 Homem mata ex-mulher na frente da mãe por não aceitar fim de relacionamento

De acordo com a Polícia Civil, o acidente aconteceu por volta das 4 horas da manhã. Um policial informou ao Olhar Direto que ele  chegou a ser socorrido por uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), no entanto, morreu no hospital.

A Pericia Técnica esteve no local para analisar o local do acidente. O caso está sendo investigado, mas a hipótese que o acidente tenha sido provocado pela vítima. 

O crime:

Inconformado com o fim do relacionamento, José matou Rita em frente da mãe de 73 anos. O crime foi registrado pela Polícia Militar no último domingo (12),  no bairro Jardim Primavera, em Araputanga (345 km de Cuiabá).  

De acordo com a mãe da vítima, por volta das 17h50, José teria aparecido na residência e a chamado. A mulher foi até o portão da casa e, sem que tivesse a menor chance de defesa, José efetuou vários disparos de arma de fogo e fugiu em uma motocicleta.

4 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • manoel soares de oliveira
    14 Nov 2017 às 19:00

    A lenda diz que com ferro fere com ele mesmo é ferido ! Então pagou pelo crime que fez ! como disse o Juca não vai dar trabalho e nem despesa ao estado ! meus pêsames as famílias enlutada pela dor que estão sofrendo !!

  • Julião petruquio
    14 Nov 2017 às 18:08

    Suicidio. Nao vai ter nem marca de freio a moto no asfalto.

  • Juca
    14 Nov 2017 às 17:53

    Tava todo lascado mesmo .... Pelo menos não vai dar trabalho para a carceragem nem despesas para o erário!

  • sarita
    14 Nov 2017 às 17:21

    Justiça Divina foi feita!!!!

Sitevip Internet