Olhar Direto

Terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Notícias / Política MT

Guarda municipal repudiada pela Câmara após multar vereador vai se candidatar a deputada

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

07 Dez 2017 - 14:36

Foto: Reprodução/Facebook

Guarda municipal Steffany ao lado do vereador Sargento Joelson

Guarda municipal Steffany ao lado do vereador Sargento Joelson

A guarda municipal Steffany Anjos da Silva que ficou conhecida ao ser alvo de uma moção de repúdio da Câmara Municipal de Várzea Grande por ter aplicado uma multa de trânsito à um vereador no primeiro semestre deste ano, irá se candidatar a uma das cadeiras da Assembleia Legislativa nas eleições de 2018.

Leia Mais:
Câmara de VG resiste em revogar moção de repúdio contra Guarda Municipal


A informação foi confirmada pelo presidente estadual do partido Patriota, o ex-vereador de Cuiabá Milton Rodrigues, que também anunciou nomes de pré-candidaturas como a da ex-secretária adjunta de Administração Sistêmica da Secretaria de Segurança Pública (SSP), Sirlei Theis para deputado Federal.

Steffany ganhou repercussão inclusive na imprensa nacional após os parlamentares aprovarem uma moção de repúdio contra ela no mês de julho deste ano. O motivo foi uma multa de trânsito aplicada ao vereador Edilei Roque de Cezaro, o “Neni Chimarrão” (PTC) por ele ter estacionado o seu carro embaixo de uma placa de proibido e em cima de uma calçada, no acesso para cadeirantes. O local fica próximo a Câmara, onde o vereador tem vaga exclusiva de estacionamento.

A infração é considerada grave e segundo o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) pode gerar R$ 195,23 de multa, além de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

O autor do requerimento, o vereador Pedro Paulo Tolares (DEM) alegou a falta de diálogo dos agentes. Dos 21 vereadores de Várzea Grande, 16 votaram a favor da moção de repúdio. São eles: Jânio Calistro (PSD), Gisa Barros (PSB), Fábio Tardin (DEM), Ademar Jajah (PSDB), Carlino Neto (PV), Cleyton  Nassarden (PTB), Rodrigo Coelho (PTB), Valdemir Bernardino (DEM), Rogerinho Dakar (PV), Carlos Garcia (PSB), Dr. Miguel (PSDB), Neni Chimarrão (PTC), Claido Celestino (PT do B), Ícaro Reveles (PSB) e Ivan dos Santos (PRB), além do próprio Pedro Tolares.

No mesmo mês, a Câmara de Cuiabá aprovou uma moção de aplausos a guarda municipal. A homenagem foi proposta pelo vereador Joelson Fernandes, que é sargento da Polícia Militar.

O caso acabou sendo bastante discutido nas redes sociais e a guarda municipal recebeu apoio de várias pessoas, incluindo o ator e apresentador da TV Globo, o cuiabano Otaviano Costa e o deputado federal e pré-candidato a presidência Jair Bolsonaro (PSC-RJ) que enviaram vídeos manifestando solidariedade a ela.
 
 

14 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • jose lacerda
    08 Dez 2017 às 07:04

    Oportunista

  • Rafael Klas
    08 Dez 2017 às 01:14

    Melhor que todos que estão ai pondo dinheiro em caixa em paletó etc...

  • Carlos Nunes
    07 Dez 2017 às 18:13

    Pois é, mas próximas eleições a gente aproveita e escolhe novo presidente, novo governador...e aproveita e

  • AMARAL
    07 Dez 2017 às 17:31

    BRASIL... UM MINUTO DE FAMA E O PRIMEIRO PASSO É QUERER VIRAR POLITICO

  • Marlan
    07 Dez 2017 às 17:27

    Eita democracia...vamos que vamos...

  • jose de faria lima
    07 Dez 2017 às 17:09

    Para uns candidatos o céu é o limite, ninguém quer começar por baixo, como vereador, já querem Federal e Estadual, vai vendo...

  • Leandro Luiz
    07 Dez 2017 às 17:03

    Seguindo dois raciocínios de "não reeleger ninguém" e "não votar nas raposas velhas" dou o meu voto a ela. Pelo ao menos ganhou projeção por fazer a coisa certa e não a errada.

  • Chacal
    07 Dez 2017 às 16:08

    É por essa e outras, que a classe política é cada vez mais desprestigiada, bastou cumprir suas obrigações, para virar celebridade por 10 minutos.

  • Juca
    07 Dez 2017 às 15:48

    Viram só vereadores analfabetos políticos e funcionais! A moça tem grande chance de ser eleita deputada, graças a vossa ignorância!

  • Juca
    07 Dez 2017 às 15:48

    Viram só vereadores analfabetos políticos e funcionais! A moça tem grande chance de ser eleita deputada, graças a vossa ignorância!

Sitevip Internet