Olhar Direto

Quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

Notícias / Cidades

Alunos da Unic reclamam de superlotação em salas de aula e marcam protesto

Da Redação - Wesley Santiago

27 Ago 2015 - 10:45

Foto: Reprodução/Facebook

Alunos da Unic reclamam de superlotação em salas de aula e marcam protesto
Os alunos da Universidade de Cuiabá (Unic) fizeram duras críticas a administração da universidade em uma página criada por universitários no Facebook (Unic – Você não sabe, mas eu sei). Eles alegam que há superlotação dentro das salas de aula e ainda protestam contra a mudança do TCC (Trabalho de Conclusão de Curso), que agora é online. Uma manifestação está marcada para acontecer nesta quinta-feira (27), no campus Beira Rio.

Leia mais:
Estudante da UNIC vence concurso de gastronomia com receita de hamburguer suíno
 
Uma das universitárias, que preferiu não se identificar, denunciou ao Olhar Direto que há uma superlotação em vários cursos: “No meu curso (Odontologia), tivemos a transferência de vários alunos da Univag para cá. As salas estão cheias e o ar condicionado não consegue trabalhar. Além disto, tem vários que não funcionam”, disse. Além disto, há relatos que os estudantes transferidos pagariam a metade da mensalidade e ainda teriam outras vantagens: “Não podem querer nos diferenciar assim”.
 
Em uma das denúncias enviada à página do Facebook, os alunos reclamam do ar-condicionado que não está funcionando: “Sala de aula com ar condicionado quebrado. São 120 alunos em uma sala que não comporta nem 60. Tem alunos no chão e aí vem cobrar R$ 3.500 de mensalidade para nos dar essa estrutura horrível. Como que estuda? Como que o professor da aula?”, diz uma das postagens.

Nos comentários, foi possível identificar que a reclamação não se restringe a apenas um aluno. Diversos universitários comentaram sobre os problemas. A superlotação é um dos principais pontos que os alunos reivindicam. Os cursos de Agronomia, Engenharia Civil e Pedagogia foram alguns dos que também endossaram o coro.


(Foto: Reprodução/Facebook)
 
Manifestação
 
Para protestar contra os problemas, alguns alunos planejam realizar uma manifestação na Unic Beira Rio. O encontro está marcado para às 13h30 desta quinta-feira (27). O ponto de encontro será a livraria Janina, que fica dentro do Campus.
 
Outro lado
 
A assessoria de imprensa da Unic informou à reportagem, através de nota, que "está atenta às solicitações dos alunos e trabalha assiduamente para construir um ambiente de estudos adequado. A qualidade de ensino é requisito prioritário na operação da Unic. Com base na premissa de excelência, a instituição realiza estudos para a melhoria contínua de sua infraestrutura. Os estudantes ainda contam com o acesso a laboratórios e bibliotecas que corroboram a vivência universitária".
 
Além disto, acrescentou que está "comprometida com a transparência" e que "a instituição continua à disposição para qualquer esclarecimento adicional".

Atualizada às 09h29 do dia 28/08/2015

29 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Lucivany P Oliveira
    03 Set 2015 às 14:01

    Meu curso tem o valor de 1,600 reais mensal, e este e o valor tambem cobrados nas aulas online, retiram pelo amor de Deus essas aulas online e colocam presencial, 1,600 por uma aula a distância, é um absurdo!!!

  • bar shopping
    28 Ago 2015 às 08:34

    e ai é comercio ou instituição de ensino, bar , shopping ou faculdade, desfile de moda .........kakakakaka

  • Edson Galvão
    27 Ago 2015 às 16:26

    Psiu!!! Ei xô mano, vêm pra UNIVAG bocó de fivela, aqui ocê estuda tranquilo, sem frescuras kkkkkk

  • Camila
    27 Ago 2015 às 15:55

    Pois é, estou chocada com a Unic, os fatos são esses os narrados e, mais, pelo menos no curso de direito, os alunos estão assistindo aulas importantes de forma virtual, pasmem, o professor vai na aula somente para tirar dúvidas kkkkk e se o aluno falta a "aula" de dúvidas recebe três faltas kkkk e depois tem gente que defende o fim do exame da OAB, me diz, que tipo de profissional teremos no mercado com esse tipo de faculdade? Aliás, cadê a OAB/MT e o MP/MT que não estão de olho nessa situação ai?

  • Luiz
    27 Ago 2015 às 15:04

    Além de todas essas reclamações, vc ainda tem o absurdo de "juntarem" até três turmas de séries diferentes....mas tudo isso acontece por que nós alunos aceitamos tudo.....

  • Zé Mendes
    27 Ago 2015 às 15:04

    kadê o MPE O MPF o CRO, a onde foi parar a fiscalização dos cursos superior com suas estruturas, não deixa esse povo ou melhor os alunos ficaren padecendo em faculdade sem estrutura, para nós termos proficional mal preparado no mercado de trabalho, sssssssssssooooooooooooccccccccoorrrrrroooooooooooo. MPF, MPE, CRO, MEC.

  • Rodrigues
    27 Ago 2015 às 14:45

    Isso mesmo Brenu, esse grupo KROTON acabou com a UNIC e agora também destrói a UNIRONDON, assim como fizeram com todas as universidades que administram, é só pesquisar. Eu mesmo já to vazando pra UNIVAG.

  • Alex Prado
    27 Ago 2015 às 14:43

    O que a reportagem não fala é porque os alunos do UNIVAG se transferiram para lá. Porque no UNIVAG para atender paciente na Clínica é necessário estar preprarado, sem reprovações em disciplinas de pré-requisitos importantes. Na Unic não....e os que estavam com reprovações foram para lá, mesmo sem condições de atender plenamente. Pois é, minhas aulas ficaram ainda melhores

  • Indignado
    27 Ago 2015 às 14:43

    A Unic depois que se vendeu pra Kroton, tornou-se uma Universidade ambiciosa, atualmente, visam-se os lucros e deixam de lado o seu primordial escopo social: Educação.

  • BRENU CARLUS
    27 Ago 2015 às 14:07

    Isso se chama KROTON. Acabou com a Unic e agora está acabando com a UNIRONDON.