Olhar Direto

Quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Notícias / Cidades

Haitianos são baleados em bar na capital e polícia não pega depoimentos por dificuldade com idioma

Da Redação - Isabela Mercuri

19 Mar 2016 - 12:16

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Haitianos são baleados em bar na capital e polícia não pega depoimentos por dificuldade com idioma
Quatro haitianos foram baleados na noite da última sexta-feira (18), por volta das 18h, em um ‘Bar do Haitiano’ em Cuiabá. Nenhuma das vítimas morreu, mas as quatro ficaram feridas e foram transferidas para o Pronto Socorro Municipal.

Leia mais:
Polícia prende padrasto acusado por espancar e estuprar bebê de 1 ano após briga com a mãe

De acordo com informações do Boletim de Ocorrência, a polícia foi acionada para atender à ocorrência e encontrou os quatro homens já caídos no chão e feridos, com perfurações por arma de fogo.

No entanto, não foi possível colher mais informações sobre o fato porque os presentes no bar não falaram português. As vítimas foram socorridas e o B.O. foi registrado, mas não há informações sobre o estado de saúde delas

4 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • bruno
    21 Mar 2016 às 07:18

    É nao creio que seja crime de racismo ou outra intolerância qualquer. Mas nao colher informaçoes porque eles nao falam o português ta de sacanagem. Se fosse um haitiano que atirasse em um brasileiro conseguiriam informaçoes na marra.

  • Marcos
    20 Mar 2016 às 12:17

    O cara não sabe nem se o crime foi cometido por brasileiros, brancos, ou por outros haitianos e já vem presumindo que foi racismo.. tá louco. Eles estavam num bar, eu moro aqui perto.. eles brincam, festejam, bebem.... e infelizmente, local com bebida está sujeito a confusões desse tipo.

  • fabio
    20 Mar 2016 às 09:31

    Luneta aonde está escrito na matéria que foi por racismo ou intolerância? Ou vc virou mãe Dina ou está sabendo mais que a polícia. Se sabe mais que a polícia, sugiro que vá a uma delegacia mais próxima e denuncie.

  • LUNETA
    20 Mar 2016 às 06:31

    Já se tornou um fato recorrente atentados e homicídios contra haitianos em nosso estado. A intolerância racista está aplacada nessas ações. Chega de racismo! todos nós somos iguais. Que baixaria desses que se acham melhor que os negros e mulatos??!!!!

Sitevip Internet