Olhar Agro & Negócios

Domingo, 25 de agosto de 2019

Notícias / Economia

Rico em produção agropecuária, Mato Grosso tem o 14º maior PIB do Brasil

Da Redação - Viviane Petroli

14 Nov 2014 - 16:00

Foto: Montagem Reprodução (soja e construção civil)/ Viviane Petroli - Agro Olhar (gado) / Mayke Toscano - Secom/MT (comércio)

Rico em produção agropecuária, Mato Grosso tem o 14º maior PIB do Brasil
Maior produtor de grãos e pecuária bovina de corte, Mato Grosso em 2012 registrou um PIB (Produto Interno Bruto) de R$ 80,830 bilhões. O montante equivale a apenas 1,8% do PIB de R$ 4,392 trilhões registrados no Brasil naquele ano. O estado possuía na ocasião o 14º maior PIB, ficando atrás do Ceará em 13º (R$ 90,132 bilhões) e do Pará em 12º (R$ 91,009 bilhões). Ao se comparar com 2002 verifica-se que Mato Grosso subiu apenas uma posição no ranking nacional. A falta de indústrias é um dos motivos que leva o estado a ter este desempenho, uma vez que o setor industrial teve uma participação de apenas 15,8% no resultado de 2012.

Apesar de grande produtor de matéria-prima, Mato Grosso ao longo de 10 anos não apresentou tamanhos resultados na evolução de seu PIB diante o desempenho nacional, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em 2002 o estado possuía um PIB de R$ 20,941 bilhões, ou seja, 1,4% dos R$ 1,477 trilhão registrados no Brasil. O levantamento, divulgado nesta sexta-feira (14), revela ainda que em 2011 o PIB mato-grossense era de R$ 71,418 bilhões, o equivalente a 1,7% dos R$ 4,143 trilhões do Brasil.

Leia mais
Consumo retraído faz vendas no varejo crescer apenas 2,8% em Mato Grosso
Vendas de veículos caem 2,24% em Mato Grosso; Incerteza econômica é um fator

O maior pico de Mato Grosso em participação no Produto Interno Bruto ocorreu em 2004 quando atingiu 1,9% de R$ 1,941 trilhão. Em 2004 o PIB do estado havia sido de R$ 36,961bilhões.

De acordo com o IBGE, mesmo o estado sendo dependente do setor agropecuário o segmento dentro dos R$ 80,830 bilhões teve em 2012 uma participação de 28,6%, enquanto o setor de serviços de 55,7%. O levantamento do IBGE revela, ainda, que dentro do setor de serviços estão inclusos o comércio com participação de 17,2% do PIB de Mato Grosso e a administração, saúde e educação públicas e seguridade social com 14%.

Ao se analisar o setor industrial, cuja participação no PIB é de 15,8%, encontra-se a construção civil com representatividade de 4,6% no PIB total mato-grossense e a indústria de transformação com uma fatia de 8,3% do desempenho do geral do estado.

Brasil

De acordo com o IBGE, a região Sudeste concentra a maior participação dentre as regiões no PIB brasileiro com uma fatia de 55,2% dos R$ 4,392 trilhões do Brasil. Em relação a 2002 a região sudeste apresentou recuo de 1,5 pontos percentuais na participação, ao contrário do Centro-Oeste que saltou de 8,8% para 9,8% sua participação.

Centro-Oeste

Em 2012 o PIB de Centro-Oeste foi de R$ 430,4 bilhões. Ao se comparar os quatro estados dentro da região, Mato Grosso é o terceiro maior PIB, perdendo apenas para o Distrito Federal com R$ 171,2 bilhões e Goiás com R$ 123,9 bilhões. Os dois estados por sinal ocupam as 7ª e 9ª colocação no ranking nacional.

O Mato Grosso do Sul é o quarto no ranking do Centro-Oeste e o 17º no ranking nacional com um PIB de R$ 54,471 bilhões apenas.

Confira tabela do IBGE:



6 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Wallas
    08 Mai 2017 às 13:14

    Ao posso encontra uma pesquisa concreta sobre a economia do Mato Grosso do Sul

  • trem bala
    15 Nov 2014 às 18:18

    Mato Grosso Celeiro do Mundo, é só o agronegocio que empurra este estado pra frente pois só tem terra, industrias de transformação não vão pra lá questão de logistica. quase nada de incentivo Goias incentiva mais que MT, tem estradas por todo lado e tem o dobro do PIB, o Paraná tem o pragrama Parana Competitivo atraiu mais industrias que o sudeste ( Daf, Pneus Continental, Tetra Pak etc)

  • Miguel
    15 Nov 2014 às 17:37

    Caro Agnaldo, a questão analisada não é o valor de R$ 71 bilhões e R$ 80 bilhões de um ano para o outro, mas sim a participação de Mato Grosso dentro do PIB nacional. Ora, se somos o maior produtor de matéria-prima e o segundo maior exportador de commodities do Brasil e se Mato Grosso fosse um país seria o 5° maior produtor de soja, me diga porque estamos em 14º lugar com o maior PIB do Brasil. Temos estados do Nordeste brasileiro que só estão melhores colocados que Mato Grosso devido industrias automotivas e de confecção. Mato Grosso grande produtor de algodão nem consegue atrai grandes fábricas de tecido, nem mesmo esmagadoras de soja. Creio que tenha sido esta a análise feita pela reportagem, ou seja, a PARTICIPAÇÃO de Mato Grosso dentro do valor do PIB do Brasil.

  • Agnaldo
    15 Nov 2014 às 17:25

    Achei a reportagem mal escrita e a análise mal feita. De 71 para 80 bi de PIB é muita coisa e acima da média nacional. O problema é que se o investimento em infraestrutura não vier rápido, não teremos os mesmos índices no futuro e a nossa qualidade de vida continuará ruim. Cresce muito a produção Agro, mas pouco a agroindustrialização.

  • jair gomes de souza
    15 Nov 2014 às 15:08

    É como agente diz,o grande Rico Pobre,más para mim é um Pobre Rico,por que? Aqui é o Seleiro do nosso Brasil,já pensaram se não fosse nosso Estado o que seria do nosso Brasil?

  • jair gomes de souza
    15 Nov 2014 às 05:02

    Vê como são as coisas,Mato Grosso é o Estado que mais produz para funcionar as Indústrias de outros Estados e o mesmo mantem em 14 no ranque do Pib.Vê como são as industrias,quem mais produz não eleva em nada.Agora eu procuro? Que classificação é esta? Estados que não produzem nada é estão bem classificados,fazermos o que,não é?Más sou muito mais a quem produz e enche as barrigas dos outros. Valeu Mato Grosso,Aqui se Faz,Aqui se Produz.

Sitevip Internet