Olhar Agro & Negócios

Segunda-feira, 22 de julho de 2019

Notícias / Agronegócio

Soja e pecuária "derrubam" valor da produção agropecuária no ano de 2017 em Mato Grosso

Da Redação - Viviane Petroli

14 Jun 2017 - 08:45

Foto: José Medeiros/GCom-MT

Soja e pecuária
A soja e a pecuária devem contribuir para um recuo no valor bruto da produção (VBP) agropecuária em 2017. A estimativa para este ano é de um ganho da porteira para dentro de R$ 71,094 bilhões. O montante é levemente inferior aos R$ 71,334 bilhões de 2016. Os destaques ficam por conta do milho, do algodão, além da cana-de-açúcar.

Leia mais:
Em 6º nas exportações do Brasil, Mato Grosso tem queda de 5,52% nos embarques em 2017
 
O VPB, estimado com base nas informações de maio, foi divulgado nesta terça-feira, 13 de junho, pela Secretaria de Política Agrícola (SPA), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).
 
Dos R$ 71,094 bilhões estimados para 2017 são provenientes das lavouras R$ 56,933 bilhões e da pecuária R$ 14,161 bilhões. Em 2016, o resultado havia sido R$ 56,207 bilhões das lavouras e R$ 15,126 bilhões na pecuária.
 
Mato Grosso tem uma perspectiva de colher R$ 58,606 milhões de toneladas em grãos nesta safra 2016/2017, conforme a Companhia Nacional do Abastecimento (Conab), um aumento de 35% frente as 43,425 milhões de toneladas colhidas no ciclo 2015/2016. Já em cana-de-açúcar a previsão é de 15,936 milhões de toneladas nesta safra 2017/2018, recuo de 2,5% ante a anterior.
 
Conforme o VBP, o algodão deverá ter ganhos de R$ 13,766 bilhões em 2017, acima dos R$ 11,781 bilhões do ano passado. Já a cana-de-açúcar um salto de R$ 1,378 bilhão para R$ 2,094 bilhões, enquanto o milho de R$ 9,889 bilhões para R$ 10,561 bilhões.
 
Em algodão, segundo a Conab, Mato Grosso deve ter um incremento na produção de 13,3%. Em maio, o preço médio da arroba da pluma estava a R$ 87,11, acima dos R$ 82,65 do mês em 2016.
 
Ainda de acordo com a Conab, em milho 2ª safra a projeção é de 67,9% de aumento na produção, o que deve puxar a renda da porteira para dentro, uma vez que o preço médio da saca de 60 quilos recuou de R$ 34,68 em maio de 2016 para R$ 17,05 em 2017.
 
O Ministério da Agricultura estima para a soja uma receita da porteira para dentro de R$ 28,950 bilhões, volume abaixo dos R$ 31,501 bilhões do ano passado. Apesar do incremento de 17,2% na produção, o preço da saca de 60 quilos caiu de R$ 73,74 em maio de 2016 para R4 54,45 em média em 2017.
 
Pecuária

 
Na pecuária mato-grossense a estimativa de ganhos na bovinocultura tende a encolher de R$ 10,679 bilhões para R$ 10,104 bilhões. Na suinocultura há previsão de alta de R$ 797,2 milhões para R$ 881,1 milhões. Na avicultura recuo de R$ 2,295 bilhões para R$ 2,069 bilhões.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet