Olhar Agro & Negócios

Domingo, 22 de setembro de 2019

Notícias / Ecologia

Produtores rurais vão à caça para tentar conter prejuízos provocados por javalis

Da Redação - Lázaro Thor Borges

14 Set 2017 - 14:29

Foto: Reprodução

Produtores rurais vão à caça para tentar conter prejuízos provocados por javalis
Os prejuízos causados aos produtores rurais do interior de Mato Grosso por malhadas de javalis foram relatados em reportagem publicada na Folha de São Paulo nesta semana. Os animais, que podem chegar até 250 Kg, atuam preferencialmente a noite e irritam e destroem as lavouras. O problema não é novo, mas se agravou nos últimos anos, de acordo com a associação local do setor. O Estado é o maior produtor de milho do país.

Leia mais:
Mato Grosso pode perder até 4% do PIB se Novo Código Florestal for derrubado no STF


"Eles atacam as plantações durante a noite, causando um estrago imenso. Ao passar correndo, eles derrubam os milhos, e a máquina de colheita não consegue chegar até esses milhos. O prejuízo é muito grande", diz Roseli Giachini, diretora da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso.

A entidade não contabiliza os casos, mas, devido ao aumento do problema, planeja começar a fazer isso a partir da próxima safra.

O produtor rural Guilherme Scarton, que mora em Campo Verde (130 km de Cuiabá), diz que já teve prejuízo de quase R$ 150 mil em 2017 com os animais. "Estou gastando R$ 50 mil para colocar cerca em 85 hectares para ver se diminui os danos", afirma.

O produtor rural Mário Wolf, de Nova Canaã (550 km de Cuiabá), diz que já perdeu até 30% de sua plantação com os ataques dos javalis e que mesmo a instalação de cercas não resolve. "Os javalis pulam e fazem o estrago."

Ele diz que a solução atual é tentar espantar os animais à noite. "O que fazemos para tentar afastá-los é soltar fogos à noite e andar de moto pelas plantações. Coloco um funcionário só para sair de moto para espantá-los."

"Esse animal não é da nossa fauna, vem se reproduzindo e causando danos ao ambiente e aos produtores. Ainda vão trazer doenças nocivas", afirma Ederson Viaro, produtor rural de Lambari D'Oeste (185 km de Cuiabá).

Viaro é um das 247 pessoas autorizadas pelo Ibama no Estado para caça dos javalis. No país, há cerca de 20 mil caçadores cadastrados do animal.

O Ibama planeja divulgar ainda neste ano um plano de controle, prevenção e monitoramento dos javalis.

A caça é liberada porque a espécie não é um animal silvestre e, por isso, não tem predador natural. Ele foi trazido ao país por produtores que pretendiam vender sua carne, ainda nos anos 1990. Como a iniciativa não deu certo, muitos locais de criação fecharam, e os animais foram soltos e se reproduziram.

20 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • geralgo
    12 Ago 2018 às 21:46

    não postará o meu comentário de ontem eta porra

  • geralgo
    12 Ago 2018 às 21:46

    não postará o meu comentário de ontem eta porra

  • Geraldo
    12 Ago 2018 às 02:02

    Bom agirá temos estés descontroles que o ser Humano fez esta desorganização veremos com a nova Lei de liberar qualquer inseticida Herbicidas e sementes transgênicas aonde a própria cultura vai se tornar invasora dela própria e vai bagunça o cultivo explico a própria soja será invasora do cultivo não terá controle vai dizimaram toda a lavoura ou terá que fazer rotação de cultura e por um determinado tempo não poderá planta la estou falando em cultivo vamos para insetos e produtividade as abelhas sao as responsáveis pela polinização e automaticamente pela produção e produtividade elas morrendo por inseticidas introduzidos sem pesquisa de ambientes deu certo em outro país faça se no Brasil o produtor vai ir à campo fazer a polinização aí vão ver bagunça a produções e será culpa de go vermos que hoje estão no poder e tudo por presao de pouças empresas do mundo corrompem em nome do Lucro já desestruturar a Embrapa em 02 anos de governo vai dar merda e com letras MAIÚSCULAS NÃO SABEM COM O QUE ESTÃO BRINCANDO SE ATRAPALHAM PARA CONTROLAR UM ANIMAL VISÍVEL e os invisíveis ou os que pasSam despercebido kkkkk

  • JAÓ
    17 Set 2017 às 15:28

    PARA LENINE DALBIANCO CRUZ: O SR. TEM RAZÃO QUANDO DIZ QUE SOLTARAM NO CAMPO OS JAVALIS E OUTROS ANIMAIS QUE NÃO SÃO DA NOSSA FAUNA SEM TER O DEVIDO CONTROLE AMBIENTAL SEM MEDIR AS CONSEQUÊNCIAS NO ENTANTO AS ONÇAS BRASILEIRAS, ANTAS, JAGUATIRICAS, PERDIZES, SIRIEMAS, TATUS, CERVÍDEOS, TEIÚS, MUTUNS, E UMA INFINIDADE DE PÁSSAROS, PRIMATAS,FORAM QUASE TOTALMENTE DIZIMADOS COM A CAÇA, CORRENTÕES, EXPANSÃO AGRÍCOLA, HERBICIDAS JOGADOS POR AVIÕES, POLUIÇÃO, EXPORTAÇÃO ILEGAL DE PELES NAS DÉCADAS DE 30 A 70 DO SÉCULO PASSADO. ISTO NÃO DEU PREJUÍZO NENHUM NÉ! QUE PAÍS É ESSE? REPITO: SE O HOMEM DO CAMPO TIVESSE PROTEGIDO AS ONÇAS, HOJE ESSE JAVALIS SERIAM PRESAS DELAS E ESSAS PREDADORAS COM CERTEZA AFUGENTARIAM ESSES JAVALIS DOS MILHARAIS. ACONTECE QUE SÃO POUCO OS HOMENS DO CAMPO QUE TEM SABEDORIA, E CULTURA SOBRE PRESERVAÇÃO AMBIENTA. AGORA A INÊS É MORTA TARDE DEMAIS...

  • JAÓ
    15 Set 2017 às 20:15

    O dia em que o homem do campo mudar esse paradigma da caça às onças em razão de que dão prejuízos aos fazendeiros, haverá equilíbrio ecológico e esses porcos selvagens diminuirão sobremaneira pois a catinga da onça viaja com o vento e esses porcos correrão léguas das onças. O Javali é prato predileto da pintada. Os fazendeiro precisam ver a onça com um outro olhar. A onça-pintada é a única predadora que pode reduzir drasticamente a população de Javalis mas para que isso aconteça tem de haver consenso entre o homem do campo e a onça. Essa atitude tem nome: Sabedoria!

  • Vagner Paulo welk
    15 Set 2017 às 19:47

    Sou produtor em Ipameri GO e sei bem como é o prejuízo q estes animais causam É preciso tomar providências urgentes porque o prejuízo e muito grande

  • Jose estevon capaci
    15 Set 2017 às 18:28

    Estão serto os bichos dão muito prejuízo

  • Hermes
    15 Set 2017 às 17:24

    Espécies exóticas q causam problemas precisam ser controladas e , se possível, erradicadas, para o bem da sociedade e da natureza. A quem condena a caça por pena dos animais, peço que pense nas dezenas de animais silvestres que um javali pode matar por dia. É onivoro generalista. Quase um trator matando e comendo qualquer animal q não consiga fugir : anfíbios, répteis e filhotes de mamíferos e aves q não estejam nas árvores não têm chances

  • Gilberto Coutinho da Silva
    15 Set 2017 às 16:52

    É muito anta mesmo

  • jose Hugo de morais
    15 Set 2017 às 15:37

    Realmente, aquele rabo é de um porco kkk

Sitevip Internet