Olhar Agro & Negócios

Quinta-feira, 25 de fevereiro de 2021

Notícias / Economia

Empresas europeias se interessam por concessão de aeroportos em Mato Grosso

Da Redação - Wesley Santiago

20 Jun 2018 - 08:53

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Empresas europeias se interessam por concessão de aeroportos em Mato Grosso
As concessões do Aeroporto Marechal Rondon, localizado em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá) e dos quatro regionais de Rondonópolis, Barra do Garças, Alta Floresta e Sinop despertaram interesse de empresas europeias que poderão fazer propostas para administrar estes aeródromos pelos próximos 30 anos.

Leia mais:
Com concessão, funcionários do aeroporto terão alternativas à demissão, explica superintendente
 
Na última terça-feira (19), empresas da Espanha, Suíça, França e Argentina enviaram emissários para participar da audiência pública realizada em Cuiabá, pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). O interesse de investidores internacionais anima o governo do Estado, que pretende conseguir R$ 800 milhões com as concessões.
 
O leilão em bloco dos aeroportos de Mato Grosso foi proposto pelo governador Pedro Taques e aceito pelo Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil. O processo é conduzido pela secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra).
 
“À iniciativa privada caberá a obrigação de investimento e gestão por 30 anos. O interesse de empresas internacionais demostra o potencial que Mato Groso tem. Sem dúvida, os melhores aeroportos estão fora do país, como na Ásia, Estados Unidos e Europa: vamos ganhar com a expertise de quem sabe fazer gestão aeroportuária ao redor do mundo, caso um desses grupos arremate o lote de Mato Grosso”, firmou o secretário da Sinfra, Marcelo Duarte.
 
O encontro também reuniu a sociedade organizada e lideranças políticas das cidades e regiões que serão beneficiadas com os novos investimentos. Mato Grosso é o único Estado brasileiro que tem cinco aeroportos que serão concessionados, em um único lote, à iniciativa privada.
 
O Grupo de Mulheres em Prol de Rondonópolis (GMPR) é um grande entusiasta para a concessão do aeroporto municipal. Cerca de 50 pessoas vieram para participar e apoiar a iniciativa do Governo do Estado na busca de investimentos e modernização das unidades aeroportuárias de Mato Grosso. “O aeroporto é uma porta de entrada de riquezas. Precisamos do aeroporto para trazer desenvolvimento”, concluiu Tânia Balbinot, representante do grupo.
 
Em todo o país, de acordo com a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), serão leiloados 13 aeroportos. Essa nova rodada de licitação apresenta algumas novidades, entre elas é a possibilidade de um mesmo proponente vencer o leilão para mais de um bloco.
 
A Anac realizará quatro audiências públicas presenciais para a quinta rodada de concessões de aeroportos, referente aos blocos de aeroportos das regiões Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste. O encontro inicial ocorreu em Vitória - ES, seguido por Brasília (DF) e Várzea Grande. O próximo debate será realizado na quinta-feira (21), na cidade de Recife (PE).

Comentários no Facebook

Sitevip Internet