Olhar Agro & Negócios

Quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Notícias / Agricultura

​Feira de Agricultura Urbana oferece mais de 70 sementes para cultivo em casa sem agrotóxicos

Da Redação - Vinicius Mendes

11 Ago 2018 - 15:28

Foto: José Ferreira

​Feira de Agricultura Urbana oferece mais de 70 sementes para cultivo em casa sem agrotóxicos
O projeto “Feirinha de Agricultura Urbana”, realizada semanalmente no Mercado do Porto, oferece mais de 70 espécies de sementes e mudas de frutas, verduras e ervas. Cebolinha, hortelã, manjericão, tomate-cereja, alface e pimentão fresquinhos, sem agrotóxicos e ao alcance de suas mãos.  Esses são alguns dos benefícios oferecidos aos que resolvem investir em uma horta caseira.
 
Leia mais:
Parceria entre MAPA e Prefeitura de Cuiabá consegue R$18 mi para reformar Parque de Exposições
 
“Tem gente que sai daqui pra buscar muda perto de Santo Antônio, ou não planta porque acha que é muito trabalhoso. Mas não é só no sítio que você consegue produzir, aqui também é possível. É fácil”, explica o expositor Jorge Lemos Júnior, um dos idealizadores.
 
Seguindo uma tendência crescente de sustentabilidade, a proposta foi desenvolvida com apoio da Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, que disponibilizou o espaço e tem contribuído com sua divulgação.
 
“Estamos seguindo o plano de administração do prefeito Emanuel Pinheiro, que visa fomentar e expandir esse tipo de ação entre empreendedores, microempreendedores e representantes da agricultura familiar”, explica o titular da Pasta, Vinícius Hugueney.
 
Ele reforça ainda que a Secretaria está de portas abertas para receber propostas inovadoras como essa, disponibilizando uma equipe preparada para dar toda a orientação e os encaminhamentos necessários aos interessados.
 
Júnior, que sempre foi apaixonado pela terra, conta que começou a atuar profissionalmente há quatro anos. No entanto, foi só em 2018 que surgiu a ideia da Feirinha, estimulada pela procura dos clientes. 

“Eu já trabalhava na área, vendendo flores. Por conta do grande fluxo no Mercado, muitas pessoas passaram a perguntar se nós tínhamos mudas. Então surgiu essa vontade e eu conversei com o Vinícius, que viabilizou a realização.”
 
Devidamente cultivadas, as hortaliças se desenvolvem até em ambientes menores, como apartamentos, onde o ideal é mantê-las na sacada ou em um cômodo ao alcance da luz solar.

“Nesse caso as mais indicadas são as jardineiras e hortas verticais. A pessoa também pode montar uma mini farmácia natural, por exemplo. As verduras precisam de quatro horas diárias de sol, preferencialmente de manhã. No mais é só regar duas vezes por dia.”
 
Para quem está começando agora, as espécies com maior saída são alface, cheiro verde, manjericão e hortelã, que são  de fácil manuseio. Há também quem procure pela “peixinho,’ planta de folha aveludada, comumente empanada e frita por vegetarianos e veganos.
 
Além dos cuidados básicos com a horta, outras dicas são difundidas pelo comerciante em um grupo de Whatsapp, mantido com os compradores.
 
Diante disso tudo, se o cliente ainda tem dúvidas sobre as vantagens desta alternativa, vale ressaltar o preço das plantas, que varia entre R$ 0,50 e R$ 10.

“Se você quer fazer um canteiro, com R$10 já vai ter uma variedade bem bacana. Muita gente hoje tem buscado comer sabendo a procedência daquela verdura, se tem ou não agrotóxicos. Então, essa é uma das melhores formas.”
 
O projeto, que  acontece todas as sextas-feiras, sábados e domingos no tradicionalíssimo Mercado do Porto, na Capital, chega hoje a sua segunda semana. Os interessados podem procurar pela Feirinha de Agricultura Urbana nos fundos do espaço, ao lado do estacionamento, ou entrar em contato com o Júnior, por meio do telefone 992954191.

12 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Ana Lucia Guilhermino
    21 Ago 2018 às 09:14

    Sou do Rio de Janeiro. Como posso adquirir?

  • Maria Arraiz cunha
    14 Ago 2018 às 16:29

    Que estado vc é

  • Beth
    13 Ago 2018 às 11:47

    Que ótimo saber dessa iniciativa, vou com certeza comprar e incrementar minha horta caseira.

  • Maria
    13 Ago 2018 às 10:58

    Acho engraçado esse tipo de desserviço que fazem em relação a que é ou não agrotóxicos. Veja e reflitam se, uma hora ou outra, você ou esse povo que tá vendendo planta, não usa isso: De modo simplificado, separamos os agrotóxicos em 3 grupos: Inseticidas: Destinados ao controle de insetos, ácaros, nematóides e moluscos. Fungicidas: Usados no controle de doenças causadas por fungos, bactérias e vírus. Herbicidas: Destinados ao controle de plantas daninhas.

  • chapa e cruz
    13 Ago 2018 às 09:38

    Realmente é muito bonito o trabalho que está sendo disponibilizado na feira do Porto por esse comerciante, a sua barraca é linda e o atendimento é excelente.

  • Gregory Mayrink
    12 Ago 2018 às 13:12

    boa noite Sou estudante de pós graduação da ufv e gostaria de saber se poderia responder e divulgar este questionário neste grupo...E este questionário refere se a uma pesquisa cujo objetivo é entender o processo de cultuvo nas áreas urbanas e tentar desenvolver melhorias e ferramentas para esta nova modalidade de cultivo. https://goo.gl/forms/euRUd6v1qfwdgO9L2

  • Valdir M Alcantara
    12 Ago 2018 às 06:50

    Parabéns Júnior pela iniciativa, o planeta precisa de mais pessoas como você aprofunda seu conhecimanto e o amor para com a terra que será mais feliz e arrebanharas muitas pessoas com o mesmo ideal.

  • mctrol
    12 Ago 2018 às 04:04

    Esta notícia aparece no meu feed principal do yahoo e no texto não há nenhuma menção sobre cidade e local e o numero do telefone sequer possui DDD. Pense local mas haja global. Obrigado

  • Joao Batista
    11 Ago 2018 às 19:32

    Passando pelo Mercado hoje, me surpreendi com essa feirinha. Vi que há muitas mudinhas de hortaliças. O local está muito bonito. Parabéns.

  • Marcos paulo
    11 Ago 2018 às 19:25

    Muito interessante mais um atrativo para o tradicional mercado do porto

Sitevip Internet