Olhar Agro & Negócios

Quarta-feira, 17 de julho de 2019

Notícias / Agricultura

Novacki garante intercessão de Portugal para destravar o comércio entre o Brasil e União Europeia

Da Redação - Isabela Mercuri

22 Out 2018 - 10:32

Foto: Assessoria

Novacki com o secretário da Agricultura e Alimentação de Portugal, Luís Viera

Novacki com o secretário da Agricultura e Alimentação de Portugal, Luís Viera

O secretário da Agricultura e Alimentação de Portugal, Luís Viera, afirmou que vai interceder junto à União Europeia para tentar destravar o comércio entre o Brasil e os países da Europa, na última sexta-feira (19), em uma reunião que aconteceu em Lisboa, com o secretário executivo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Eumar Novacki.

Leia também:
Novacki viaja para Espanha e Portugal para missão comercial
 
Novacki viaja por Portugal e Espanha em missão comercial, e, durante a conversa, apresentou a Luís Vieira os pleitos do Brasil junto à união europeia, principalmente para agilizar a exportação de produtos da agropecuária brasileira.

De acordo com a assessoria, os principais itens da negociação brasileira com a União Europeia são carne bovina, rastreabilidade bovina, regionalização da carne bovina termoprocessada, a ractopamina da carne suína, retomada de pré-listing e a reabertura do mercado da União Europeia para o pescado brasileiro.

A balança comercial entre Brasil e Portugal é equilibrada, com corrente de comércio bilateral entre as duas economias de 320 milhões de euros. A intenção do Brasil, agora, é consolidar e diversificar a pauta de exportação destinada à União Europeia.

Em 2017, as exportações do agronegócio brasileiro para a União Europeia somaram US$ 13,46 bilhões. Os principais produtos embarcados para os países europeus foram itens do complexo soja (34,35%), café (18,73%), carnes (12,15%), sucos (9,67%), fumo (5,95%), cereais (5,65%), frutas (4,82%) e outros (8,69%). Em 2017, o Brasil importou US$ 1,989 bilhão em itens do agronegócio europeu, sendo a maior parte formada por produtos industrializados.

Durante a reunião da última sexta (19), Vieira também afirmou que, em contrapartida à sua negociação com a União Europeia, ele quer aumentar as exportações de limão, lácteos e pescados para o Brasil. Ele também disse que Portugal busca ampliar as vendas de queijos, vinhos, azeite, conservas e bacalhau, além de solicitar habilitação de plantas de pequenos produtores de suínos.

Novacki reclamou da atual dinâmica do bloco europeu, onde o Brasil entrega seus pleitos diretamente aos países, mas que são encaminhados para análise pela União Europeia.

Já no sábado (20), Novacki, assessores do Mapa e empresários brasileiros realizaram visitas técnicas a estabelecimentos de produção de lácteos e a vinícolas na região do Dan, com a participação do ex-ministro português Jorge Paulo Sacadura Almeida Coelho, que já foi ministro da Administração Interna, ministro do Equipamento Social, da Previdência e primeiro ministro adjunto.

Após a agenda em Portugal, a delegação seguie para a Espanha para tratar de assuntos de interesse do agronegócio brasileiro com autoridades e empresários espanhóis e europeus, e para participar da Fruit Attraction 2018, em Madri, a partir de terça-feira (23).

Novacki lidera missão empresarial brasileira em Portugal e Espanha, que conta com a participação de 12 representantes empresariais e expositores do Pavilhão Brasil, que irão participar da feira.

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • MAUROZAN CARDOSO SILVA
    23 Out 2018 às 11:09

    Gostaria de parabenizar o Coronel Novacki pelo brilhante serviço que vem prestando ao Brasil. As intervenções pontuais que vem fazendo ao redor do mundo vêm ampliando, de forma substancial, o mercado externo para os produtos brasileiros.

Sitevip Internet