Olhar Agro & Negócios

Sábado, 25 de maio de 2019

Notícias / Agronegócio

Em leilão em São Paulo, Governo fará concessão de 233 km de rodovias

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

21 Nov 2018 - 17:44

Foto: Reprodução

Em leilão em São Paulo, Governo fará concessão de 233 km de rodovias
O governador Pedro Taques (PSDB) irá realizará a concessão de mais 233 quilômetros de rodovias estaduais à iniciativa privada. O leilão, segundo a secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra) está marcado para o dia 30 de novembro, na B3, em São Paulo. A entrega de envelopes será dia 21 deste mês.

Leia também
Justiça eleitoral condena Taques e coligação a pagar R$ 180 mil por descumprir decisão


Este será o terceiro lote de rodovias a ser leiloado em 2018 na bolsa de valores visando a concessão de rodovias de mato-grossenses. Neste lote estão previstas as concessões das rodovias MT-246, MT-343, MT-358 e MT-480, que dão acesso aos municípios de Barra do Bugres, Nova Olímpia, Tangará da Serra e trará benefícios a região médio-norte.

De acordo com dados oficiais da safra, divulgados pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), a região médio-norte concentra 11,2 milhões de toneladas de soja (34,4%) e 12,3 milhões de toneladas de milho (44,6%). Segundo analistas, a região apresenta grande potencial de crescimento da produção.

"A concessão é vista pelo Governo do Estado como fundamental para o escoamento da produção agrícola de Mato Grosso. O estado é líder nacional na produção de grãos e algodão e dono do maior rebanho bovino do país. A concessão potencializará a infraestrutura estadual", afirmou o secretário estadual e presidente do Conselho Nacional de Secretários de Transporte, Marcelo Duarte.

Conforme informações divulgadas pela Sinfra, estão previstos investimentos privados da futura concessionária na ordem de R$ 740 milhões na prestação de serviços públicos de conservação, recuperação, manutenção e melhorias das rodovias por um período de 30 anos.

O Governo do Estado tem previsão de arrecadar, inicialmente, R$ 3 milhões em outorga. Estudos técnicos orientam para cobrança de R$ 7,90 por praça de pedágio, que só serão instaladas após as rodovias receberem os investimentos em obras de melhorias necessárias.

Está é a segunda fase das concessões de rodovias estaduais realizadas pelo Pró-Estradas Concessões: Programa de Parcerias com o Setor Privado para Investimentos na Logística de Mato Grosso.

Na primeira fase, realizada em fevereiro deste ano, foram leiloados 300 quilômetros das rodovias MT-100 em Alto Araguaia (lote 1), e MT-320 em Alta Floresta (lote 2), que também são utilizadas para o escoamento da produção. 

Os dois primeiros lotes foram arrematados pelo Consórcio Via Brasil, que para o primeiro ofertou lance de R$ 10,05 milhões, representando ágio de 179,16% sobre o valor de outorga mínimo de R$ 3,6 milhões, definido pelo edital.

Para o lote 2, o consórcio ofertou o lance de R$ 6,16 milhões, maior valor de outorga fixa, representando um ágio de 516% sobre o valor de outorga mínimo, que era de R$ 1 milhão, conforme definido previamente pelo edital.

As rodovias da região do médio norte do estado, que serão leiloadas neste mês, apresentam maior extensão e complexidade em relação aos lotes anteriores leiloados e, por esse motivo, a data do leilão teve que ser prorrogada em duas ocasiões.
 
Com a concessão do lote 3, o Estado irá alcançar 533 quilômetros de rodovias concessionadas à iniciativa privada e espera atrair investimentos na ordem de R$ 1,5 bilhão com as concessões de rodovias.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet