Olhar Agro & Negócios

Terça-feira, 15 de outubro de 2019

Notícias / Economia

Emplacamento de veículos cresce 19% nos cinco primeiros meses de 2019, segundo Fenabrave

Da Redação - José Lucas Salvani

06 Jun 2019 - 09:21

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Emplacamento de veículos cresce 19% nos cinco primeiros meses de 2019, segundo Fenabrave
O número de veículos emplacados entre janeiro e maio de 2019 cresceu 19,49%, o que corresponde a 43.763 automóveis, se comparado ao mesmo período de 2018, aponta Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). No ano passado, neste intervalo de tempo as vendas atingiram a marca de 36.625 unidades.

Leia mais:
Primeiro quadrimestre fecha com aumento em 16% de emplacamentos, aponta Fenabrave

"Mesmo diante das perspectivas de crescimento menor do Produto Interno Bruto (PIB), na faixa de 1%, segundo economistas e instituições financeiras do país, o setor automotivo segue batalhando para manter dados positivos, pois existe uma preocupação com a política no Brasil e isso afeta a confiança do consumidor", explica Paulo Boscolo, diretor da Fenabrave em Mato Grosso.

A maior parte de vendas para o setor de carros e comerciais leves representa 45,5% do setor automotivo. Apesar do número, as vendas tiveram uma redução de 2,05% entre os meses de maio e abril. O número de ônibus também reduziu em 23,68%, tendo no total 4,23% de participação no mercado em maio.

Já a venda dos caminhões chega a representar 51,74% nos primeiros cinco meses de 2019, com 1.698 unidades. E com 222 caminhões em maio com relação ao mês anterior, o aumento é de 52%.

"As vendas ainda estão relacionadas às comercializações efetuadas no fim do ano passado e que estão sendo entregues neste ano. Falando do mercado agora, sentimos um desaquecimento por conta do momento político", destaca Carlos Melnec, da Auto Sueco e representante Fenabrave-MT do segmento de caminhões e ônibus.

O número de caminhões entregues cresceu 114,69. Somente em maior, foram 809, em contraste com o mesmo período no ano passado, quando foram vendidas apenas 224 unidades. Já o segmento de motos cresceu no acumulado 19,35% e contabiliza 17.964 unidades.

Segundo Claudiomir Alves de Meira, da Auto Campo e representante do segmento de motocicletas na Fenabrave-MT, "as vendas estão correndo conforme as expectativas e que, inclusive, estão faltando produtos para entregar prontamente ao consumidor (...) Não posso reclamar, mas temos trabalhado mais. O cenário político preocupa, mas temos que seguir em frente e esperamos resultados ainda mais motivadores para junho".

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet