Olhar Agro & Negócios

Segunda-feira, 26 de julho de 2021

Notícias / Geral

​RECUPERAÇÃO

Cuiabá já elabora projetos para retomada da economia no período pós-pandemia, afirma secretário

Da Redação - Vinicius Mendes

30 Mai 2021 - 11:50

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Cuiabá já elabora projetos para retomada da economia no período pós-pandemia, afirma secretário
O secretário de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico de Cuiabá, Francisco Vuolo, afirmou que a gestão do prefeito Emanuel Pinheiro já está elaborando projetos para a retomada econômica para a capital, no período de pós-pandemia. Além de projetos que já estão em andamento, como o “Pra Frente Cuiabá”, que deve se estender, a Prefeitura também planeja, entre outras ações, atrair empresas e indústrias para a capital com a elaboração de uma campanha de marketing.
 
Leia mais:
Prefeitura entrega obras de centro para atendimento multidisciplinar a autistas em Cuiabá
 
De acordo com informações do Portal Localiza SUS, com dados do Ministério da Saúde, Cuiabá já vacinou 22,51% de sua população contra a Covid-19. Especialistas apontam que as cidades podem começar um retorno à normalidade quando 70% da população estiver vacinada. No entanto, a Prefeitura de Cuiabá já está elaborando projetos para a retomada da economia, prejudicada com a pandemia da Covid-19.
 
Alguns projetos da Prefeitura já estão em andamento, como é o caso do “Pra Frente Cuiabá". Este programa engloba cinco projetos, que buscam fomentar a economia ainda no período de pandemia, mas com ações que devem se estender para o período pós-pandemia. De acordo com o secretário Francisco Vuolo, o foco deste programa é o investimento no cidadão.
 
“Quando falamos em desenvolvimento falamos em capital humano, que é o cidadão, e vai ao encontro da gestão humanizada do prefeito, então não há como pensarmos em desenvolvimento sem pensar em investimento nas pessoas. Precisamos investir nas pessoas para que elas possam estar cada vez mais qualificadas e preparadas para aproveitar as oportunidades que surgirem no mercado”, disse.
 
O primeiro eixo de ação deste programa é o “Sine da gente”, que já foi lançado. Ele funciona em uma van, com duas equipes, para levantar a demanda de empregos nos bairros e ofertar estas vagas à população daquela região. Além disso também trabalha com orientação sobre seguro desemprego, carteira de trabalho.
 
Outro eixo, lançado na segunda semana de maio, foi o “Qualifica Cuiabá”, um projeto que foi idealizado pela primeira-dama Márcia Pinheiro, na gestão anterior, que tinha um foco as mulheres, mas agora ganhou uma dimensão maior, para jovens, pessoas portadoras de deficiência, entre outros. Serão ofertados cursos desde a área de jardinagem, bem como confeiteiro, eletricista, até soldador, operador de máquina empilhadeira, curso de libras, de gestão, mas também na área de tecnologia e design gráfico.
 
Outro projeto é o Enem Digital, que ofertará gratuitamente aulas híbridas por videoconferência e presenciais de preparação para Enem e vestibulares. Serão ofertadas duas mil vagas.
 
Outro eixo é o “Agro da gente”, que irá aproximar a gestão dos produtores da capital. E o quinto eixo é o “Cuiabanco”, que deve funcionar com um modelo diferente dos bancos tradicionais, para oferecer financiamento. Ele irá trabalhar com microcrédito e a Prefeitura irá subsidiar os juros, sendo que ele será pago de forma parcelada depois. Os valores devem flutuar de R$ 2 mil a R$ 25 mil.
 
“Ao longo destes primeiros meses de gestão, foram meses de planejamento, não tem como pensarmos em um programa como esse, em uma ação como essa sem sentar com a equipe, sem escutar a sociedade. Então o desenho do programa Pra frente Cuiabá e das ações que nós temos planejadas são objetos desta oportunidade que o prefeito nos deu, também pela visão do próprio prefeito, que é desenvolvimentista, alguém que enxerga lá na frente, faz tudo com muita dedicação, e pelas condições que ele nos dá para poder desenhar algo que vai ao encontro daquilo que é o anseio do setor produtivo”.
 
Vuolo afirmou que estes projetos possuem um viés de resultados para curto, médio e longo prazo. Além do “Pra Frente Cuiabá”, a Secretaria Municipal de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico quer avançar já no segundo semestre com outras ações, como padronização das feiras de rua, reestruturação e organização do Mercado do Porto, em parceria com a Secretaria de Obras, readequação das obras no Barracão do Produtor Regional, e também outras ações na Central de Abastecimento de Cuiabá, no Distrito Industrial.
 
“Estes são alguns dos trabalhos que a Secretaria está prospectando, e obviamente assim que tivermos anúncios de empreendimentos maiores como o da ferrovia, vamos estar lançando um programa específico de incentivos fiscais, uma readequação dentro do Pró-Cuiabá, para que as empresas estejam muito mais atraídas para se instalar aqui e gerar empregos”.
 
Vuolo explicou que o objetivo, para o período pós-pandemia, é transformar Cuiabá em um grande produto de atração para investidores. Uma campanha de marketing deve ser elaborada para apresentar a capital com este viés.
 
“Já estamos elaborando junto com nossa equipe, todo um anuário, todo um material com os potenciais, com os elementos, com os dados econômicos da cidade para que a gente possa, assim que houver uma retomada a nível nacional, levar a imagem de Cuiabá de forma positiva, para feiras, para eventos, para tentar atrair empreendimentos, será uma campanha de marketing”.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet