Olhar Agro & Negócios

Segunda-feira, 08 de agosto de 2022

Notícias | Agronegócio

bons resultados

Mesmo com pandemia, Amaggi registra receita de R$ 38 bilhões em 2021; veja números

Foto: Foto: Reprodução

Mesmo com pandemia, Amaggi registra receita de R$ 38 bilhões em 2021; veja números
A André Maggi Participações (Amaggi) registrou lucro de R$ 1,4 bilhão em 2021. O lucro bruto da companhia, registrado antes do cálculo de despesas, foi de R$ 3,1 bilhões. E o volume da receita operacional da Amaggi, que compreende todo dinheiro que encontrou no caixa da empresa, foi de R$ 38 bilhões. 

Leia mais:
Ibama anula R$ 332 milhões em multas à Amaggi por propriedade não constar no sistema: "vício insanável"

As informações são do balanço patrimonial da empresa, que foi aprovado pela KPMG auditores independentes e publicado na segunda-feira (25). 

Para se ter ideia do tamanho da movimentação da empresa, a receita operacional da Amaggi foi maior do que o orçamento previsto para 2021 em Mato Grosso, que foi de R$ 22 bilhões no ano passado. 

O lucro da empresa em 2021 ainda foi levemente menor do que em 2020, quando a Amaggi registrou R$ 1,6 bilhão. Naquele ano, porém, a receita operacional da empresa foi de R$ 23 bilhões. 

O lucro bruto da companhia veio principalmente do agronegócio, com R$1,7 bilhão de lucro bruto, mas outros setores em que a multinacional atua também tiveram participação. Houve lucro de R$713 milhões no setor de commodities, de R$367 milhões no setor da navegação e ede R$146 milhões na área de energia. 

Entre 2020 e 2021 a Amaggi também aumentou o tamanho das áreas arrendadas para plantar grãos. Em 31 de dezembro de 2021, a companhia possuía 43.354 hectares. Em dezembro de 2020 o total era de 5.771 hectares arrendados. 

Os contratos de arrendamento operacional tem vencimentos que vão até 2033. Na medida em que investiu em arrendamentos, a Amaggi também vendeu grandes fazendas. As Fazendas Santa Lúcia e Fortaleza, com 7.908,19 hectares de terras, foram vendidas a terceiros em outubro de 2020. 

A Fazenda Angenita também, controlada pela Amaggi, foi vendida em dezembro de 2020. Entre 2016 e 2021 a companhia vendeu seis grandes fazendas. Na maioria delas, a Amaggi ainda tem saldo a receber. 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet