Olhar Agro & Negócios

Segunda-feira, 23 de setembro de 2019

Notícias / Tecnologia

Cooperativa defende vazio sanitário para combater mosca branca e helicoverpa

De Brasília - Vinícius Tavares

30 Abr 2013 - 16:43

Foto: Reprodução

Praga atinge lavouras de soja e feijão

Praga atinge lavouras de soja e feijão

Brasília vai sediar eno dia 15 de maio um Fórum para discutir o avanço da mosca branca e da helicoverpa, duas pragas que estão assolando lavouras de soja e de feijão em regiões de clima mais quente, como o cerrado brasileiro. O objetivo do evento é sensibilizar os agricultores e o poder público para a importância da busca de soluções para o combate a essas pragas.

De acordo com o vice-presidente da Cooperativa Agropecuária da Região do Distrito Federal (Coopa-DF), uma das propostas que serão debatidas será instituir um vazio sanitário para evitar o avanço das duas pragas.

Mapa libera agrotóxicos para combater lagarta que ataca algodão e soja

“Precisamos de liberação por parte do governo da produção de alguns produtos como fertilizantes e alguns pesticidas que atualmente são importados da Argentina”, afirmou o vice-presidente da Coopa-DF, Leandro Maldaner.

Pesquisadores encontram duas espécies de mosca branca nativas das Américas

A mosca branca, uma das pragas mais temidas nas lavouras de tomate, feijão, melão e batata, tem causado graves prejuízos em alguns estados brasileiros. A helicoverpa armigera, novidade nas lavouras brasileiras para produtores, consultores e pesquisadores, passou a ser um problema sério, principalmente em lavouras de algodão, feijão e soja da Bahia e dos estados do Planalto Central.

O Fórum deve reunir mais de 600 pessoas, entre produtores rurais, autoridades e pesquisadores para participar de palestras e debates em torno das duas pragas. O debate faz parte da AgroBrasília 2013.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet