Olhar Agro & Negócios

Terça-feira, 17 de setembro de 2019

Notícias / Agronegócio

Famato lança projeto para traçar planejamento estratégico em três Estados

Da Assessoria/ Famato

30 Ago 2012 - 17:45

Foto: Reprodução

Famato lança projeto para traçar planejamento estratégico em três Estados
A Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), em conjunto com a Federação da Indústria de Mato Grosso (Fiemt), Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso (Aprosoja) e a Associação dos Produtores de Algodão (Ampa) lançaram nesta quinta-feira (30.08), em Cuiabá, o projeto Centro-Oeste Competitivo, que irá traçar um planejamento estratégico da infraestrutura de transporte e logística de cargas nos estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e no Distrito Federal.

O estudo, cujo investimento é de R$ 1,8 milhão, será custeado pelos setores da indústria e da agropecuária. O prazo de execução será de dez meses. Em Mato Grosso, a pesquisa contará com apoio do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Vale destacar que o Centro-Oeste Competitivo é um produto do Fórum das Entidades do Setor Produtivo do Centro-Oeste, que reúne a cada três meses representantes da agricultura, pecuária, indústria e comércio dos estados que fazem parte do Centro-Oeste brasileiro para discutir os principais problemas do setor produtivo da região e buscar melhorias. O último encontro foi no início de agosto, na Famato.

Segundo o diretor de Relações Institucionais da Famato, Rogério Romanini, com o "Plano de Investimento em Logística: Rodovias e Ferrovias", anunciado neste mês pela presidente da República Dilma Rousseff, e que prevê investimentos da ordem de R$ 133 bilhões em 25 anos, é necessário que se tenham estudos diagnosticando quais modais são prioritários para investimentos e buscar parcerias com o Governo Federal. “Sabemos que a região Centro-Oeste, principalmente Mato Grosso, tem muita deficiência em logística e precisamos saber quais os meios mais eficientes e econômicos para transportar nossos produtos. A partir disso, podemos buscar parcerias tanto com os governos federal e estadual e também com a iniciativa privada para a construção de obras que desafoguem o transporte de cargas no Centro-Oeste”.

O consultor da empresa Macrologística, Olivier Girard, responsável pela execução do projeto, explica que a pesquisa será feita através de visitas técnicas a obras em andamento e entrevistas com empresas produtoras e exportadoras e órgãos públicos. “Vamos focar o estudo nas oito principais cadeias produtivas do Centro-Oeste, que representam 91% do volume total exportado na região para analisar qual a demanda e as necessidades de infraestrutura de transporte. Comparando isso com os modais já existentes poderemos determinar os principais gargalos logísticas existentes nos estados”.

Olivier comenta ainda que projetos semelhantes já foram desenvolvidos nas regiões Norte, Nordeste e Sul do país. “Com isso, o setor produtivo terá o Brasil Competitivo, que, uma vez concluído, dará ao segmento aquilo que vem sendo reivindicado há anos, ou seja, um transporte de menor custo e eficiente”, destaca.

A Famato é a entidade que representa 86 sindicatos rurais de Mato Grosso. Junto com o Imea e o Senar-MT, forma o Sistema Famato. Acompanhe-nos também pelas redes sociais, através do Twitter (@sistemafamato) e da Fan Page no Facebook ( https://www.facebook.com/sistemafamato).

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet