Olhar Agro & Negócios

Domingo, 28 de novembro de 2021

Notícias / Geral

SEMA SUCATEADA

Deputado federal declara apoio ao setor de base florestal e propõe ação contra o Estado

Clayton Cruz - assessoria

15 Out 2012 - 14:59

Foto: Clayton Cruz

Deputado se reuniu com diretores do Sindusmad

Deputado se reuniu com diretores do Sindusmad

O deputado federal Nilson Leitão (PSDB-MT) participou nesta segunda-feira, no Sindusmad, em Sinop, de uma reunião com engenheiros e empresários do setor madeireiro.

No encontro, os profissionais reclamaram da falta de estrutura da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA), em especial, da falta de profissionais técnicos e do sucateamento das unidades regionais, criadas para dar agilidade às demandas do setor.

Os empresários do setor de base florestal tem, por exemplo, feito o pagamento do conserto de aparelhos de ar condicionado dos escritórios regionais, de veículos e até mesmo de equipamentos como GPS, utilizados pelos técnicos da secretaria. Ações que duram pelo menos três anos.

Para Nilson Leitão, o Estado tem sido omisso e irresponsável, sobretudo porque arrecada elevada soma de valores, mas não dá a contrapartida em serviços. A saída, segundo o parlamentar, é buscar o reparo do dano, judicialmente.

“O setor de base florestal está na UTI. Assim como na Saúde, a única forma de fazer com que o Governo cumpra a sua parte é buscando o direito adquirido na Justiça. Proponho que o setor se una e entre com uma Ação de Obrigação de Fazer, que procurem o Ministério Público Estadual e Federal, que exponham o problema, que não é de um ou dois empresários, mas de um setor que gera milhares de empregos em Mato Grosso.”

Nilson Leitão se comprometeu a lutar pelo setor.

Nesta terça-feira ele vai visitar a SEMA, Ministério Público, Assembleia Legislativa e o Tribunal de Contas do Estado, onde vai requerer informações sobre a saúde financeira e administrativa da Secretaria de Meio Ambiente.

O problema também será discutido em reunião da bancada federal.

Engenheiros e empresários definem ainda hoje as ações que serão tomadas para reverter o caos que toma conta do setor.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet