Olhar Agro & Negócios

Quinta-feira, 17 de junho de 2021

Notícias / Tecnologia

inovação

Agricultura de precisão conta com robô esférico para inspecionar lavouras

Imbuídos do desejo de construir um robô capaz de andar no meio da lavoura, um agrobot, que fosse bem menor e mais barato do que um trator robotizado, alunos Universidade Politécnica de Madri, na Espanha construíram um robô esférico, adequadamente batizado de Rosphere.

Da Redação - Rodrigo Maciel Meloni

28 Jul 2013 - 09:19

Foto: Reprodução

Agricultura de precisão conta com robô esférico para inspecionar lavouras

Agricultura de precisão conta com robô esférico para inspecionar lavouras

Imbuídos do desejo de construir um robô capaz de andar no meio da lavoura, um agrobot, que fosse bem menor e mais barato do que um trator robotizado, alunos Universidade Politécnica de Madri, na Espanha construíram um robô esférico, adequadamente batizado de Rosphere.

Leia também
Milho de supersafra é estocado a céu aberto em Mato Grosso
Próxima safra de soja deverá ganhar 3,7% de área e ter incremento de produtividade

Sem rodas, sem lagartas e sem pernas, o robô usa um mecanismo interno que o faz rolar, superando a maioria dos obstáculos encontrados em terrenos acidentados. Muitos se perguntaram uma questão óbvia: como uma bola pode ser capaz de mover-se, aparentemente sem qualquer força externa?, a resposta está em um princípio relativamente simples, envolvendo um conceito fundamental de física: o centro de massa.

Um sistema mecatrônico interno induz o movimento do robô-bola alterando seu centro de massa de forma controlada, o que o faz rolar na direção desejada - lembre-se de um hamster brincando no interior de sua esfera metálica.

O protótipo possui um pêndulo que lhe dá capacidade para dois movimentos independentes, o que lhe permite fazer curvas suaves, como se fosse um automóvel.Robô esférico inspeciona lavouras em agricultura de precisão: Um sistema mecatrônico interno induz o movimento do robô esférico alterando seu centro de massa de forma controlada.

Os testes iniciais foram voltados para avaliar a funcionalidade do movimento do Rosphere em lavouras reais - sua missão era medir as leiras da plantação e coletar dados de temperatura e umidade, divulgou a publicação Inovação Tecnológica.

Os pesquisadores explicaram que o robô rolante poderá ser equipado com virtualmente qualquer tipo de sensor, ajudando nas técnicas de agricultura de precisão, que variam a adubação e a irrigação em cada ponto da lavoura.
Embora já existam equipamentos capazes de fazer isto, o robô esférico deverá ser centenas de vezes mais barato, podendo ser acessível a pequenos produtores. O grupo colocou o robô para rolar também em um ambiente repleto de pessoas, para avaliar sua segurança - ninguém foi atingido.

Leia mais notícias no Agro Olhar.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet