Olhar Agro & Negócios

Segunda-feira, 08 de agosto de 2022

Notícias | Economia

PRATICIDADE

Frutas e verduras entram na onda dos itens vendidos no comércio eletrônico

Foto: Reprodução/Internet

Frutas e verduras entram na onda dos itens vendidos no comércio eletrônico
A cada ano o comércio eletrônico vem apresentando crescimento no Brasil. Somente em 2013 o faturamento foi de R$ 28,8 bilhões, volume 28% maior que os R$ 22,5 bilhões de 2012. A comodidade de fazer compras sem sair de casa e até mesmo no trabalho tem atraído pessoas de diferentes segmentos a aderir à modalidade de vendas online. Há cerca de cinco meses aberto o “Frutas e Verduras Delivery”, em Cuiabá, tem mês a mês dobrado a sua clientela, que inclui até restaurantes e lanchonetes.

Segundo dados do E-bit, em 2013 apesar de o Brasil ter vivenciado um ano de inflação "pesada" e passado por uma desaceleração econômica o resultado de 28% de crescimento superou as expectativas iniciais que indicavam um desempenho positivo nominal de 25%, apenas.

Leia também
Gincana gastronômica com pratos à base de carne suína tem inscrições abertas
Hotéis fecharão Copa do Mundo de 2014 no prejuízo, diz Sindicato

Após um ano de pesquisas e amadurecimento da ideia, o agrônomo Fernando Martinotto colocou em prática o site de vendas “Frutas e Verduras Delivery” (www.frutaseverdurasdelivery.com.br). O intuito, segundo ele, era aliar a tecnologia a comodidade.

“Já trabalhava no segmento de frutas e verduras. Sou engenheiro agrônomo e meu pai é produtor em Poconé”, explica Martinotto.

O site conta com mais de 100 produtos à venda, entre frutas, verduras, legumes e até doces, principalmente regionais. “O objetivo principal é a comodidade devido à falta de tempo do ser humano em ir ao supermercado ou à feira. Em Cuiabá, ainda, há o problema com os transtornos causados pelas obras da Copa do Mundo”.

Diversas classes

Segundo o idealizador do site, as mulheres são as que mais efetuam compras no “Frutas e Verduras Delivery”.

Questionado ao tipo de perfil de quem busca a modalidade ele revela que entrega compras desde bairros como o CPA 3 até os mais nobres como o bairro Popular. “Há clientes que chegam a comprar até duas vezes na semana. Compras acima de R$ 45 não possuem cobrança de taxa de entrega”, revela Martinotto.

Para quem deseja ainda mais comodidade aliado a questões nutricionais, Martinotto conta que cestas balanceadas para duas a seis pessoas são preparadas por nutricionistas. “As cestas contém folhas, frutas, verduras, entre outros. Semanalmente temos produtos em promoção, tmabém”.

Concorrência e dificuldade

Na visão do proprietário do “Frutas e Verduras Delivery” não existe concorrência com supermercados e feiras. “Estou na verdade atendendo a uma demanda reprimida”.

O maior desafio em sua opinião é manter diariamente o padrão de qualidade de seus produtos. “Coisas como folhas e banana da terra, por exemplo, são adquiridas aqui na Baixada Cuiabana, o restante vem de fora”.

Conforme Martinotto, o clima e fatores culturais, além da mão de obra, são fatores que impedem que Mato Grosso produza algo além do universo soja, milho e algodão.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet