Olhar Agro & Negócios

Sábado, 24 de julho de 2021

Notícias / Logística

cobertura

‘Futuros Produtores do Brasil’ visita Porto de Santos e tem aula sobre seu funcionamento

De São Paulo - Rodrigo Maciel Meloni

05 Set 2013 - 19:07

Foto: Rodrigo Maciel Meloni - OD

‘Futuros Produtores do Brasil’ visita Porto de Santos e tem aula sobre seu funcionamento

‘Futuros Produtores do Brasil’ visita Porto de Santos e tem aula sobre seu funcionamento

A convite da Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT), o site Agro Olhar está em São Paulo (SP) acompanhado a última etapa do programa ‘Futuros Produtores do Brasil’. Na manhã desta quinta- feira (05), um grupo formado por cerca de 30 integrantes visitou as instalações do Porto de Santos, o maior do América Latina.

Leia mais
Chineses voltam a demonstrar interesse em ferrovias brasileiras; Cuiabá foi sondada em 2011

Comissão técnica constituída por colaboradores do Famato e Senar-MT, jornalistas e os participantes do projeto visitaram as instalações do porto e tiveram uma ‘aula’ sobre o funcionamento sobre o terminal. Ao chegar ao porto pelo Terminal do Guarujá, localizado na margem esquerda do órgão público.

O início da visita se deu no setor administrativo, onde o gerente geral do Porto, Welber Curi, ministrou palestra. Curi tratou de algumas especificidades, como número de funcionários, volume de produtos que passam pelos Terminais de Exportadores de Granéis Sólidos (TEG-TEAG), o processo de logística, recebimento, controle de qualidade armazenagem, embarque, áreas de apoio (fiscal, saúde e segurança, gestão e etc).

O gestor do TEG lembrou de algumas melhorias que ocorrem no porto e seu entorno, como a construção de uma nova via, com cerca de 600 m², que deverá ser implantada em um terreno ao lado de antigo terminal retroportuário e ligará a Rodovia Cônego Domênico Rangoni a Av. Santos Dumont, onde estão localizados os terminais marítimos.

“Existem analises para verificar a viabilidade da instalação de três áreas para estacionamento de caminhões de cargas; este projeto visa agregar de imediato um novo acesso aos terminais e, com isso, criar um fluxo que permitirá a entrada e a saída por vias independentes destes terminais", informou Curi, ao ser questionado sobre os graves problemas logísticos que afetam a economia brasileira como um todo.

Ao final da palestra, foram formados três grupos que visitaram as instalações do porto, da chegada dos caminhões e vagões de trem ao embarque dos produtos nos navios atracados nos terminais.

Operação
No momento, o porto opera com 39 navios atracados no Porto Público; seis navios atracados em Terminais; 254 navios em espera e 882.632 toneladas em operação. Até julho deste ano, o porto movimentou 64.246.773 toneladas. As informações são da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp).

Programação
A programação começou nesta quinta-feira (05), com visita ao Porto de Santos, local por onde é exportada cerca de 60% da soja Mato Grosso. Após a visita ao porto, os 30 jovens e os representantes da Famato e do Senar-MT, entidades responsáveis pelo projeto, darão entrevista coletiva para a imprensa de São Paulo, às 20h, no hotel Slaviero Executive Jardins.

O objetivo é apresentar o projeto e um balanço dos encontros que estão ocorrendo desde maio deste ano.
Na sexta-feira (06), os cerca de 30 alunos conhecerão a Bolsa de Valores de São Paulo BM&F Bovespa, onde irão participar de palestras e aprenderão mais sobre o mercado de commodities e educação financeira.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet