Olhar Agro & Negócios

Segunda-feira, 22 de abril de 2024

Notícias | Política

DE 5% PARA 7%

Geller pede votação da MP do biodiesel; Câmara diz que pode ser no início de agosto

Foto: Reprodução/Internet

Geller pede votação da MP do biodiesel; Câmara diz que pode ser no início de agosto
A Medida Provisória (MP) 647/14 que trata do aumento de 5% para 7% o percentual de adição obrigatória de biodiesel ao óleo diesel pode ser votada na primeira semana de agosto, caso haja acordo entre os líderes partidários. A inclusão da pauta no Plenário foi um pedido feito pelo Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Neri Geller, na manhã desta quarta-feira (23) ao presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB/RN). De janeiro a maio 241,2 milhões de litros de biodiesel foram produzidos em Mato Grosso em 2014.

De acordo com informações da Agência Câmara, Geller pontuou que a aprovação da MP pelo Congresso proporcionará a garantia da estabilidade da lei, por mais que já esteja em vigor.

Leia também
Entraves na produção de biocombustíveis são discutidos em Simpósio Nacional em Cuiabá
Governo eleva para 6% a mistura de biodiesel ao diesel a partir de julho; Em novembro passará a ser 7%
Abiove ressalta vantagens econômicas e ambientais do novo percentual de biodiesel ao diesel e reforça pedido por 10%

Na reunião o presidente da Câmara salientou que caso haja um acordo entre os líderes partidários a MP do biodiesel poderá ser votada no dia 5 de agosto.

O aumento do percentual de biodiesel ao óleo diesel destinado ao consumidor final será realizado em dois momentos. Conforme o texto encaminhado ao Executivo, o primeiro aumento ocorreu no dia 1º de julho quando passou de 5% para 6%. O segundo aumento deverá ocorrer em 1º de novembro quando chegará aos 7%.

Hoje, a MP do biodiesel está na comissão mista e precisa ser votada pelo Congresso até dia 25 de setembro, caso contrário perderá a sua validade.

Mato Grosso, hoje, é um dos maiores produtores de biodiesel do Brasil, principalmente por possuir a matéria-prima mais barata. O biodiesel pode ser feito através de óleos vegetais, como de soja e algodão. Segundo os especialistas, o que trava o crescimento da produção de biodiesel em Mato Grosso é a falta de uma logística adequada.

Levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) revela que de janeiro a maio 241,2 milhões de litros de biodiesel foram produzidos em Mato Grosso. O volume é 38,3% superior aos 174,4 milhões de litros no período em 2013 produzidos. Somente em maio 48,9 milhões de litros foram fabricados no Estado, volume maior que os 33,3 milhões do mês o ano passado. O maior pico de produção foi verificado em março quando se atingiu 52,7 milhões de litros.

A produção de biodiesel em Mato Grosso teve inicio em 2006 quando 13 mil litros foram fabricados. A maior produção até hoje, revela a ANP, ocorreu em agosto de 2010 quando se atingiu 56,7 milhões de litros.

Já o Brasil registrou até maio 1,253 bilhão de litros produzidos em 2014, 7,8% a mais que os 1,162 bilhão do ano passado
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet