Olhar Agro & Negócios

Segunda-feira, 27 de setembro de 2021

Notícias / Agricultura

devido soja

Produtividade do algodão está "ameaçada" com atraso do plantio

Da Redação - Viviane Petroli

13 Jan 2016 - 16:00

Foto: Viviane Petroli/Agro Olhar

Produtividade do algodão está
As intempéries climáticas na soja e o atraso em sua colheita "ameaçam" a produtividade de algodão em Mato Grosso. As projeções apontam uma produtividade de 267,75 arrobas por hectare, 1,73% a menos que as 273,48 arrobas estimadas em dezembro para o ciclo 2015/2016.

Em torno de 76% da área do algodão deverá ser semeada na segunda safra da cultura em áreas a serem liberadas pela soja. Como os trabalhos com a oleaginosa estão atrasados, a semeadura do algodão deverá ser estendida para além da sua "janela ideal", elevando assim a possibilidade da cultura não receber os níveis necessários de chuva para o desenvolvimento máximo de seu potencial.

Leia mais:
Produtores de Mato Grosso têm até dia 15 para semear soja em áreas críticas

As projeções para a safra 2015/2016 de algodão são de 576,3 mil hectares, 2,2% a mais que os 564,1 mil hectares do ciclo 2014/2015. Desta área 438,6 mil hectares, revela a 3ª Estimativa de Safra do Algodão, divulgada nesta semana pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), deverão ser semeados nesta segunda safra.

Os números apresentados pelo Imea são com base em projeções da Associação Mato-grossense dos Produtores de Algodão (Ampa).

As projeções para pluma de algodão são de 941,2 mil toneladas nesta safra 2015/2016, um aumento de 0,1% ante as 939,9 mil toneladas do ciclo passado.

“A semeadura de soja em MT na safra 15/16 foi de fato conturbada. Principalmente devido às secas que a atrasaram, refletindo diretamente no algodão, pois, com o atraso da semeadura, o ciclo e a colheita da soja foram afetados, consequentemente impedindo que as sementes de algodão segunda safra tivessem campo aberto. Não à toa, a semeadura de algodão da safra 15/16 nesta semana atingiu 20,2% em MT, atraso de 13,2 p.p. ante a última safra, e de 21,3 p.p. ante a média das últimas cinco safras. De acordo com a última estimativa de safra do Imea, ainda não se espera que esses atrasos reflitam em retração na área total de algodão na safra 15/16, uma vez que ela permaneceu estimada em 576,5 mil hectares, 2,2% acima da safra 14/15. Contudo, janeiro tem sido chuvoso, e tais chuvas podem ser cruciais para a área em MT, pois esta será totalmente dependente do desenvolvimento da semeadura no mês, que pode ser atrapalhada por precipitações constantes”, pontua o Imea em seu Boletim Semanal do Algodão, divulgado nesta semana.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet