Olhar Agro & Negócios

Quinta-feira, 20 de junho de 2019

Notícias / Energia

UHE Teles Pires instala segundo rotor; Até abril de 2015 as cinco peças estarão instaladas

Da Redação - Viviane Petroli

04 Dez 2014 - 14:23

Foto: Assessoria UHE Teles Pires

UHE Teles Pires instala segundo rotor; Até abril de 2015 as cinco peças estarão instaladas
O terceiro rotor ainda está a caminho e a Usina Hidrelétrica Teles Pires já instalou a segunda mega-peça, que havia chegado em agosto em Paranaíta. O rotor foi instalado na segunda Unidade Geradora (UG) no dia 24 de novembro. A previsão é que até abril de 2015 todos os cinco rotores estejam instalados.

A UHE Teles Pires é construída no Rio Teles Pires, afluente do rio Tapajós, fronteira dos estados do Pará e Mato Grosso, na fronteira dos municípios de Jacareacanga (PA) e Paranaíta (MT). Sua potência instalada é de 1.820 megawatts, que são considerados suficiente para abastecer com energia elétrica uma população de 2,7 milhões de famílias.

De acordo com a Usina Hidrelétrica Teles Pires, a instalação de mais um rotor mostra que a obra, considerada um das mais importantes do Plano de Aceleração do Crescimento 2 (PAC 2), está na reta final dos trabalhos de concretagem de suas estruturas físicas, bem como montagem eletromecânica.

Leia mais
Terceiro rotor da UHE Teles Pires começa a ser transportado em Mato Grosso
Gasolina chega a R$ 3,29 o litro em Cuiabá; Etanol dispara 15%

O rotor instalado no dia 24 de novembro levou cerca de quatro horas para ser acoplado no eixo da turbina. Foram utilizadas duas pontes rolantes com capacidade de 450 toneladas cada.

O primeiro rotor que chegou a Mato Grosso na primeira quinzena de maio foi entregue na UHE Teles Pires na primeira quinzena de junho e foi instalado no dia 05 de setembro. Já o segundo rotor foi entregue na Usina no dia 7 de agosto, após ter saído no dia 14 de março da fábrica da Alstom, em Taubaté (SP).

Os cinco rotores irão compor as turbinas responsáveis por transformar a energia hidráulica (energia da água) em mecânica (movimento das turbinas).

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Diana
    04 Dez 2014 às 14:57

    Ihhh... rapaz, a COPEL é responsável pela Usina de Colider, 3 vezes menor que essa, não pela Usina Teles Pires, cuja gestão é da CHTP - Companhia Hidrelétrica Teles Pires... Vivendo e aprendendo... rsrs

  • José Marques
    04 Dez 2014 às 14:47

    Fico feliz e orgulhoso em saber que a COPEL é uma das parceiras deste empreendimento matogrossense. Parabéns aos profissionais colaboradores.

Sitevip Internet