Olhar Conceito

Quinta-feira, 19 de maio de 2022

Notícias | Literatura

balaio amarelo

Cuiabana de 82 anos lança seu sétimo livro após sete anos de pesquisa

Cuiabana de 82 anos lança seu sétimo livro após sete anos de pesquisa
O livro ‘Balaio Amarelo’, sétima obra da cuiabana Marilza Ribeiro, tem lançamento previsto ainda para o mês de abril. Com 82 anos de idade, a escritora reúne no livro 107 poemas da época em que esteve envolvida com a biodança e a análise junguiana.

Leia mais:
Evento de contação de histórias traz Cia de São Paulo para apresentação na próxima terça-feira

Formada em psicologia pela Faculdade de Ciências e Letras São Marcos, em São Paulo, Marilza foi também presidente da Associação de Mulheres de Mato Grosso, e é facilitadora de biodança, escritora, desenhista e poeta.

Este último livro demorou sete anos para ser produzido: “Eu considero este livro a minha obra prima. Não só porque passei sete anos trabalhando nele, mas porque, durante este tempo, explorei bastante a voz feminina, a minha voz. Durante muito tempo, as mulheres foram amordaçadas, silenciadas, excluídas. Mas através da arte e da cultura, temos um lugar para expressar nossas vozes com firmeza. Estes poemas refletem toda a memória feminina através das minhas memórias”, explica a autora.

Dentre as outras publicações de Marilza estão: “Meu grito: poemas para um tempo de angústia” (1973), “Corpo Desnudo” (1981), “Cantos da terra do sol (1998), “A dança dos girassóis” (2004), “Palavras de mim” (2005) e “As aves e poetas ainda cantam” (2014).

“Balaio Amarelo” é uma das dez obras vencedoras do Prêmio Mato Grosso de Literatura. O lançamento oficial, promovido pela Secretaria de Estado de Cultura (SEC), está marcado para o começo de abril.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet