Olhar Conceito

Quarta-feira, 26 de janeiro de 2022

Notícias | TV

desrespeitou mulheres

Cirurgião de MT fica no Big Brother após bailarina baiana ser eliminada com 59% dos votos

Foto: Reprodução / Globo.com

Cirurgião de MT fica no Big Brother após bailarina baiana ser eliminada com 59% dos votos
O cirurgião plástico Marcos Harter, gaúcho que mora atualmente em Sorriso, foi salvo na noite desta terça-feira (31) do Big Brother Brasil 17. Ele enfrentou a bailarina bahiana Gabriela Flor, e ela levou 59% dos votos.

Leia também:
Acusado de desrespeitar mulheres, cirurgião de MT enfrenta paredão do BBB17

Antes de anunciar quem sairia, o apresentador Tiago Leifert fez questão de fazer perguntas “intimidadoras” aos participantes que não estavam no paredão. Ele fez, por exemplo, uma alusão ao jogo RPG, em conversa com Pedro, que disse que o personagem que o jogador não controla é o primeiro a morrer.

Já com Marinalva, ele discutiu as paralimpíadas. “Não adianta implorar ao comitê paralímpico para ir para as parolimpíadas, tem que jogar”, disse. Por fim, com Daniel, comentou que “Se faz a falta no basquete, o juiz marca todas, por mais que você peça desculpa. E na sexta falta o jogador é eliminado”.

Flor disse que não estava se sentindo muito bem no começo do programa, e ficou muito ‘na sua’ nos primeiros dias. “Mas nao vou fazer nada pra agradar ninguém”, completou.

Já Marcos afirmou que não estava com medo. “Eu acho que no decorrer da minha vida lidei com situações muito difíceis, morte, pessoas perdendo familiares”, comentou. “Me sinto acovardado por ter seguido o caminho da plástica, onde trabalho só com alegria”. Por fim, o cirurgião comentou que o BBB seria um grande aprendizado.

Histórico

As líderes Mayara e Vivian indicaram o gaúcho Marcos para a berlinda, acusando-o de desrespeitar as mulheres. "A gente tentou buscar uns critérios mais completos. Essa pessoa teve muitas atitudes que desrespeitaram as pessoas na casa. Na festa, eu tive certeza que ia indicar essa pessoa. Se ele acha que tem alguém aqui atuando, é ele mesmo”, justificou Vivian.

Natural do Rio Grande do Sul, ele escolheu trabalhar em Mato Grosso, onde atende não só em Sorriso, mas também no eixo agrícola, entre Sinop, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum e até mesmo na capital, Cuiabá, onde tem clínicas espalhadas. Na capital, ele atende nos hospitais Santa Rosa, Santa Helena, São Matheus e Jardim Cuiabá.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet