Olhar Conceito

Quinta-feira, 24 de junho de 2021

Notícias / Artes Cênicas

de 11 a 16 de abril

Auto da Paixão 2017 espera público de 10 mil pessoas e vai gastar R$600 mil a menos do que ano passado

Da Redação - Isabela Mercuri

24 Mar 2017 - 11:04

Foto: Jana Pessôa / Setas MT

Auto da Paixão 2017 espera público de 10 mil pessoas e vai gastar R$600 mil a menos do que ano passado
O Auto da Paixão de Cristo de Cuiabá, considerada a segunda maior encenação religiosa teatral a céu aberto do Brasil, acontece neste ano entre os dias 11 (terça-feira) e 16 (domingo) de abril. Esperando um público de dez mil pessoas, o evento acontece no Memorial Papa João Paulo II - SESI PAPA e vai custar R$600 mil a menos aos cofres públicos do que em 2016.

Leia também:
Auto da Paixão 2016 promove união entre cristãos de várias religiões

A realização do evento é do Governo do Estado de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas-MT), e, segundo a assessoria, o objetivo é oferecer entretenimento gratuito para toda a população, proporcionando cultura, lazer e a valorizando a religiosidade do povo mato-grossense.

Assim como no ano passado, o Auto da Paixão 2017 vai inserir no espetáculo pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social. Para isso, vão ser realizadas oficinas de qualificação para a construção dos cenários, figurinos, caracterização dos atores, e maquiagem. Quem dirige o espetáculo será a Associação Cultural Cena Onze.

Os colaboradores serão: reeducandos do sistema prisional: 22; indígenas: 13; menores da Casa da Criança: 8; menores  do CRAS Jardim União: 5; alunos da Rede Cidadã: 4; Instituição Nossa Casa: 5; haitianos: 15; reeducandos do sistema socioeducativo – Pomeri: 15; reeducandas da Fundação Nova Chance: 29; reeducandos da Valor à Vida: 6.

“Essa é uma proposta inovadora, que foi utilizada no ano passado, deu certo e iremos repetir. O projeto deixa de ser apenas entretenimento a passa a ser social, já que demanda a contratação de pessoas em situação de vulnerabilidade social e de extrema pobreza, que estarão direta e indiretamente envolvidas no espetáculo”, explica o titular da Setas, Max Russi.

Além deste trabalho social, o Auto da Paixão vai empregar 900 pessoas, sendo 450 empregos diretos e 450 indiretos, já que no local haverá feira gastronômica, de artesanato e de artigos religiosos.

Segundo informações da assessoria, a reutilização do cenário de 2016 fez com que o preço do evento seja R$600 mil mais barato. Neste ano, serão investidos R$ 1.188.000,00. A maior parte do orçamento é destinada para pagamento do elenco, vale refeição e transporte dos 900 prestadores de serviço que trabalham direta e indiretamente na montagem do Auto da Paixão de Cristo, além de toda a estrutura física.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet