Olhar Conceito

Segunda-feira, 08 de agosto de 2022

Notícias | Diversão e Lazer

don't tell mama

Nova balada de música eletrônica de Cuiabá será 'secreta' e só para convidados; inauguração quinta

Foto: Diego Almeida

Don't tell mama

Don't tell mama

Uma balada secreta, em que são os promoters que procuram os clientes – e não vice-versa. Este é o conceito da ‘Don’t Tell Mama’, que fará sua primeira festa nesta quinta-feira (17), em um local desconhecido, sem fachada, e sem anunciar as atrações.

Leia também:
Novo conceito em balada traz a Cuiabá música eletrônica, arte, moda,gastronomia e solidariedade

A ideia foi trazida por Marcus Oliveira de cidades que visitou pelo mundo. “É um conceito que já funciona em Nova York, em Berlim... é a balada que procura as pessoas”, explica. Segundo o empresário, a ideia é promover algo exclusivo, para que o público da festa seja selecionado.

“Essa seleção não tem nada a ver com dinheiro. Serão chamadas pessoas que tem um lifestyle parecido com o nosso, que entendam a proposta, tenham uma boa bagagem cultural e sejam viajadas”, afirma. Segundo Marcus, quem vai fazer essa seleção será o relações públicas Victor Fernando, que já trabalhou na D-Edge, de São Paulo.

O Dj Rafael Cancian, que toca no mundo inteiro, será um dos residentes, junto a outros dois nomes. Ainda segundo o empresário, a ‘Don’t Tell Mama’ não quer concorrer com as casas noturnas já existentes na cidade. “Não vamos concorrer, porque nossa proposta é outra”, afirma. A balada terá dois bares, um no primeiro piso e outro no Rooftop. “Essa é uma nova tendência, de ter baladas ao ar livre, e esta vai ser a primeira de Mato Grosso”, garante.

A Don’t Tell Mama vai se limitar a um público de 350 pessoas por noite, mesmo que o espaço comporte mais pessoas. As festas acontecem às quintas e sábados, da meia noite às 4h30, e uma vez por mês no domingo, das 16h à meia-noite. “Vamos tocar só música eletrônica, só para quem curte mesmo. Não vai ter hip hop, não vai ter funk, nada. Só eletrônico”.

A casa não possui Fan Page ou site, e o Instagram é fechado. Se você ficou com vontade de ir, é bom ter paciência. “Quem ainda não ouviu falar da casa, é porque ainda não está na hora de ir até lá”, garante Marcus. “É uma nova ideia. Não sei se Cuiabá está preparada para isso, mas as pessoas que vamos convidar, estão”, finaliza.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet