Olhar Conceito

Sexta-feira, 30 de outubro de 2020

Notícias / Dr. Elson Adorno - Cirurgia Plástica

Cirurgião plástico fala sobre cirurgias íntimas a laser para diminuição dos lábios vaginais

Dr. Elson Adorno

22 Mar 2018 - 17:00

Cirurgião plástico fala sobre cirurgias íntimas a laser para diminuição dos lábios vaginais
As cirurgias íntimas a laser têm ganhado força entre as mulheres por proporcionar bons resultados utilizando métodos simples e de qualidade. Com esse tipo de cirurgia, é possível adquirir mais qualidade de vida e se livrar de incômodos estéticos – além de garantir mais saúde e qualidade de vida.

Leia também:
Disponível em Cuiabá, injeção que ‘aumenta’ o ponto G facilita o orgasmo e potencializa a libido feminina

É um procedimento que visa à diminuição dos pequenos lábios vaginais. Essa cirurgia retira a pele excedente e dá um aspecto mais bonito à região íntima.

Muitas mulheres se sentem desconfortáveis com a hipertrofia dos pequenos lábios e nem ao menos sabem que existe um procedimento simples de reverter essa situação. Algumas vezes, dependendo do grau de hipertrofia, os pequenos lábios atrapalham as relações sexuais e causam desconforto às mulheres.

Essa cirurgia é indicada, portanto, para mulheres que não se sentem confortáveis com o aspecto da sua vagina – seja esse desconforto causado por dores, incômodo com mau cheiro (porque a hipertrofia deixa a higienização mais difícil) ou estética.

Em geral, a ninfoplastia a laser é uma cirurgia bem simples. A anestesia aplicada é local, com sedação. O laser causa retração dos pequenos lábios e os diminui.

A interação com laser estimula o colágeno da vagina e contribui para a hidratação e restauração do tecido, deixando-o com aspecto rejuvenescido.

A paciente é liberada no mesmo dia da cirurgia e o pós-operatório é praticamente sem dor. É bom lembrar que você pode sentar depois da cirurgia e ela não atrapalhará a sensibilidade dos pequenos lábios e nem do clitóris.

Os cuidados devem, claro, ser seguidos a risca para que não haja nenhuma inflamação ou complicação.

Inchaço e roxidão são normais nos primeiros dias depois da ninfoplastia, mas eles costumam sumir dentro de 15 dias. Lembrando que cada paciente tem um organismo e reage de uma forma específica aos procedimentos, então é importante seguir as orientações médicas com rigor.



*Elson Adorno é especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e em Cirurgia Plástica pelo MEC, preceptor do Programa de Residência Médica De Cirurgia Plástica do Hospital de Base de Rondônia, docente do curso de medicina do UNIVAG, diretor e coordenador do curso Advanced Trauma Life Support-ATLS, Núcleo Campo Grande/Cuiabá; instrutor do curso Pré Hospital Trauma Life Support, Núcleo Campo Grande; instrutor do curso Disaster Management and Emergency Preparedness Course- DMEP, Núcleo USP/HC-São Paulo e Instrutor do Curso Nacional de Normatização de Atendimento ao Queimado-CNNAQ.​


 

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet