Olhar Conceito

Terça-feira, 25 de fevereiro de 2020

Notícias / Artes visuais

'Rota em Movimento' transforma Praça Santos Dummond em 'museu a céu aberto'

Da Redação - Isabela Mercuri

06 Out 2019 - 16:01

Foto: Divulgação

'Rota em Movimento' transforma Praça Santos Dummond em 'museu a céu aberto'
A sexta edição do ‘Rota em Movimento – Street Art Cuiabá tem abertura no próximo dia 11 de outubro, sexta-feira, às 19h30, na Praça Santos Dummond. No dia, será realizado o festival ‘Cuiabá 300 Cores’, com a presença de diversos artistas que produzirão obras ao vivo.

Leia também:
Exposição com temática cristã une artistas de Cuiabá na Casa Cuiabana

A partir desta edição, o 'Rota em Movimento' passa a ser coordenado pelo 'Urbe Coletiva'. O projeto foi um dos vencedores do edital do 'Fundo Municipal de Cultura de 2019' dentro do 'Segmento de Artes Visuais Coletivas'. O ‘Movimento Rota’ nasceu em 2015, com o objetivo de ocupar os espaços públicos urbanos, onde os cuiabanos pudessem consumir cultura e também promover artistas.

Ao longo dos anos, o movimento possibilitou aos artistas visuais, músicos, fotógrafos, poetas e escritores um espaço cultural em Cuiabá. O evento também serviu para fomentar esse mercado pouco explorado.

Desta vez, participam deste ‘museu a céu aberto’  obras de Anna Flavia Art, Pedro Henrique Ferreira Alves, Judite Botega, Leandro Kelven , Bruna Da Silva Ferreira, Lagarto, Jhon Abyss, Jean Siqueira (SIQ), André Gorayeb (GORA) e Nágila Martins (Naah Cotrim).

No dia da abertura os visitantes poderão ver ao vivo os artistas produzindo quadros, conhecer as técnicas usadas e ver o passo a passo de como é construída uma obra de arte. No palco estarão os músicos Pedro Oleada, Caio Mattoso e Bicha Sound System. Também haverá feira gastronômica.

Segundo um dos organizadores do evento, André Eduardo, o que motivou a nova edição foi comemorar o tricentenário da capital. "Quando pensamos em realizar o evento entramos no consenso que deveria ser em homenagem ao aniversário de Cuiabá. O foco da temática é expor a iconografia regional e suas influências, que em sua maioria está representada na arte sacra proveniente das igrejas católicas do centro de Cuiabá. Essa multiplicidade e pluralidade são os grandes elementos que compõem a rica cultura de Cuiabá. vamos oferecer à população cuiabana, uma cultura regional que muitos desconhecem".

"A transição para o Urbe Coletiva foi um processo natural. No inicio do 'Movimento Rota' adquirimos experiências, juntos de pessoas que queriam fazer a diferença. Mas o cenário daquela época era diferente do que é o de hoje, e buscando melhorias e expansão do projeto, agregamos o Rota em Movimento" ao Urbe Coletiva", completa.

Redes Sociais

Sitevip Internet