Olhar Conceito

Quinta-feira, 02 de dezembro de 2021

Notícias / Literatura

“A Chalana de Nhô É”

Presidente da Academia Mato-Grossense de Letras lança seu primeiro livro voltado ao público infantil

Da Redação - José Lucas Salvani

27 Abr 2021 - 10:13

Foto: Reprodução/Divulgação

Presidente da Academia Mato-Grossense de Letras lança seu primeiro livro voltado ao público infantil
A presidente da Academia Mato-Grossense de Letras, Sueli Batista, lança nesta terça-feira (27), seu primeiro livro voltado ao público infantil, “A Chalana de Nhô É”. O lançamento acontece a partir das 10h, diretamente da Academia, com transmissão ao vivo pelo Instagram da autora.

Leia também:
Professora de MT encontra novamente no bordado o "prazer em fazer algo"

Sueli afirma que uma obra precisa passar uma verdade, ainda que dentro de um contexto de fantasia, para que possa ser apreciada pelas crianças. "O meu desejo é que eu possa através do livro ‘A Chalana de Nhô É’ abrir uma porta para ingressar no mundo do público infantil e infantojuvenil, propiciando-lhes interessantes descobertas” disse a autora, que não pretende parar no primeiro livro do gênero, e já tem outros títulos em mente.

Segundo Carlina Jacob, Secretária de Cultura, Esporte e Lazer de Cuiabá, o livro vai surpreender e despertar na infância o gosto pela leitura. Para ela, são ações, a exemplo do que veio através do primeiro livro infantil de Sueli Batista, que precisamos para a cultura da nossa cidade. “Que seja bem vinda ‘A Chalana de Nhô É’”, finalizou.

A partir de um esboço feito por Sueli, com algumas ilustrações, ela consegui passar a ideia do que seria a obra e teve a aprovação do projeto “A Chalana de Nhô É”, que atendeu ao edital da Lei Aldir Blanc em Cuiabá, via Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, com aprovação do Conselho Municipal de Política Cultural, recursos da Secretaria Especial de Cultura-  Ministério do Turismo, Governo Federal.

Em “A Chalana de Nhô É”, a história começa com o nascimento do menino É, que sempre se sentia atraído por brinquedos que tinha letras. Foi ao ingressar na escola que descobriu ter o menor nome do mundo. O livro mostra o sentido que faz a formação da família; a preservação do meio ambiente, a valorização cultural e o respeito ao que é diferente.

Lançamento híbrido

O lançamento da obra será totalmente híbrido, com transmissão no Instagram e a presença de algumas autoridades no salão social da Academia. Entre os confirmados, estão a secretária Carlina e as secretárias de Educação, Edilene de Souza machado, da Mulher Luciana Zamproni, além da presidente da Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais- BPW Cuiabá, Zilda Zompero; a presidente do Instituto Histórico e Geográfico do Estado de Mato Grosso, Neila Barreto e a curadora da Casa Barão, a historiadora Elizabeth Madureira
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet