Olhar Conceito

Terça-feira, 18 de janeiro de 2022

Notícias | Saúde e Beleza

Em Cuiabá e região

Campanha de doação de sangue do Instituto Somos do Minério pode salvar mais de 130 vidas

Foto: Reprodução

Campanha de doação de sangue do Instituto Somos do Minério pode salvar mais de 130 vidas
A campanha de doação de sangue do Instituto Somos do Minério poderá salvar 132 vidas. A coleta feita em parceria com o MT Hemocentro, por meio do hemobus, aconteceu na última terça-feira (26), próximo ao SB Medical, em Cuiabá. Segundo as organizações, é previsto quatro coletas anuais em parceria.

Leia também:
Reveillon, Carnaval, Festa Junina e mais: veja quais são os projetos selecionados no MT Afluentes

Em média, 20 bolsas de sangue são coletadas externamente, porém, a ação no Instituto atingiu a marca de 55 doadores, dos quais 33 estavam aptos a doar, totalizando 33 bolsas. Para cada doação, quatro componentes do sangue são aproveitados: hemácias, plasma, plaquetas e leucócitos, podendo ser utilizados em 4 pacientes diferentes. Segundo a enfermeira do Hemocentro, Rackel Pinho, a coleta foi um sucesso e o número de bolsas superou o número coletado na própria sede do Hemocentro no mesmo período.

“O Hemocentro atende toda a rede pública de saúde do Estado além de pacientes com doenças hematológicas como doença falciforme, aplasia medular ou hemofilia, que necessitam de transfusão periodicamente. A demanda é muito grande e nossos estoques estavam baixos, essa doação em parceria com o Instituto veio em boa hora”, explica. 

Segundo a enfermeira, a ação superou as expectativas e conseguiu alavancar o estoque do Banco de Sangue. “Para uma primeira campanha, o resultado foi excepcional. É ótimo saber que o Instituto Somos do Minério já aderiu à importância desse gesto de amor”, afirma Rackel.

De acordo com Jéssica Moura, presidente da Comissão Social do Instituto, essa foi apenas a primeira coleta da parceria com o Hemocentro. “Queremos realizar quatro coletas periódicas ao ano, realmente estimulando todas as empresas e funcionários dos arredores do condomínio SB Medical Business a participar. Com a periodicidade, queremos fidelizar os doadores e assim nos tornarmos um ponto de apoio realmente robusto para o Hemocentro”, afirma.

Trânsito e falta de estacionamento prejudica doação

Para Bruno Alves da Silva, doador regular, a vinda do ônibus à Instituição facilita a doação, visto que reduz o tempo gasto no trânsito da empresa até a unidade do Hemocentro, na Rua 13 de junho. “Com o trânsito cada dia mais caótico, congestionamentos e a falta de locais apropriados para estacionar, a vinda do ônibus do Hemocentro facilita muito aqueles que querem doar, mas não tem como ir até a unidade do centro”, explica

Segundo Allan de Alcântara, a vinda do ônibus foi determinante na decisão de fazer a primeira doação. "Eu nunca tinha tido a oportunidade de me programar e me deslocar até o hemocentro para doar. É um ato muito simples, em menos de 30 minutos entre a entrevista e a doação em si, e já tinha acabado. É mais cômodo você sair do expediente de trabalho e doar em uma unidade móvel do que enfrentar trânsito se locomovendo até a unidade fixa. Com essa praticidade do Hemobus pretendo manter as doações regulares”, afirma.

O Instituto

O Instituto Somos do Minério visa evidenciar a imagem dos mineradores que trabalham de forma legal e proporcionam o bem para a sociedade, o meio ambiente e a economia, promovendo ações sociais e ambientais em prol de comunidades carentes na zona de influência da mineração.

No dia das crianças, o Instituto beneficiou cerca de 3,5 mil crianças em Mato Grosso e 2,5 mil crianças no Pará, com brinquedos, guloseimas e brincadeiras.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet