Olhar Conceito

Quarta-feira, 29 de maio de 2024

Notícias | Literatura

4ª edição

Casa Barão recebe sarau com palestras ministradas por indígenas e show de Estela Ceregatti

Foto: Reprodução

Casa Barão recebe sarau com palestras ministradas por indígenas e show de Estela Ceregatti
No mês dos Povos Indígenas, celebrado na próxima quarta-feira (19), a partir das 15h, a Casa Barão, no Centro de Cuiabá, abre as portas para a 4ª edição do Sarau Literomusical 100+1, realizado pela Academia Mato-grossense de Letras. Na programação do evento, três representantes dos povos indígenas de Mato Grosso vão ministrar palestras no período vespertino. 


Leia também
Para conciliar amor de infância pela cozinha, professora cria delivery sazonal de tortas em Cuiabá

Marcelo Munduruku, Marcio Monzilar Corezamaé (Balatiponé-Umutina) e Agnaldo Rodrigues, que tem ascendência indígena e integra a Academia Mato-grossense de Letras vão participar do sarau. Em seguida, a oficina "Línguas e Culturas de Povos Indígenas de MT" também será realizada no local. 

A programação vespertina será encerrado com o "Papo Cabeça", envolvendo questões pertinentes aos povos indígenas. Já durante a noite, o sarau vai contar com a apresentação da cantora Estela Ceregatti, que vai levar músicas autorais que reverenciam os povos indígenas. 

Como nas edições anteriores, o sarau também poderá ser acompanhado pela internet, no youtube da Associação Mato-grossense de Letras. O número de vagas é limitado e a inscrição pode ser feita pelos telefones: (65) 9 8412 9090 (Zilda Carracedo) e (65) 9 9227 6215 (Ronaldo Silva).

Quem dá voz ao sarau

Agnaldo Rodrigues da Silva  tem pós-doutorado pela UFRGS, mestrado e doutorado em Letras pela USP e é professor efetivo adjunto da Unemat. Ocupa a Cadeira nº 10 da Academia Mato-Grossense de Letras e é presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Cáceres. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Literatura, teatro e artes visuais e afirma-se cada vez mais como crítico literário e escritor de ficção (contos). Tem diversas obras publicadas, bem como participações em antologias publicadas por editoras mato-grossenses e de outros estados brasileiros, além de publicações em outros países. É docente do Programa de Pós-Graduação em Estudos Literários (mestrado e doutorado) da Unemat.  Atualmente, dedica-se às pesquisas relacionadas à literatura, teatro de língua oficial portuguesa (Portugal, Brasil e África), artes visuais e preservação do patrimônio histórico e cultural.

Marcio Monzilar Corezamaé possui graduação em Línguas, Artes e Literatura pela Universidade do Estado de Mato Grosso e também pós-graduação (especialização em Educação Escolar Indígena) pela mesma universidade. É professor efetivo da Rede Estadual de Educação e atuou como professor auxiliar na Faculdade Indígena Intercultural. Atua na Escola Estadual de Educação Indígena Julá Paré há 15 anos. Tem experiência na área de educação com ênfase em ensino-aprendizagem. É, ainda, mestre em Estudos Literários pela Unemat.

Marcelo Manhuari Munduruku é professor indígena formado em licenciatura plena nas áreas de línguas, arte e literatura. É mestre em empréstimo da língua portuguesa para o Munduruku, escritor; e trabalha com projetos nas linhas sustentável e cultural do povo Munduruku de Mato Grosso. Tem graduação e mestrado pela Unemat. 

Estela Ceregatti é cantora, compositora, instrumentista, produtora musical, sonoplasta, professora de canto, cantoterapeuta e regente de Cuiabá, Mato Grosso. Graduada em Música pela UFMT, especialista em Antropomúsica – SP e pós-graduada em Canto e Cantoterapia pela Faculdade Rudolf Steiner (SP). Foi vencedora do Prêmio Profissionais da Música (Music Pro Awards - BSB) em 2018, na Categoria Criação e finalista na mesma premiação na categoria Melhor Autora em 2019 e está como finalista em 4 categorias do Prêmio PPM 2023. Foi também premiada pelo Prêmio Grão de Música (SP) 2017, Prêmio Respirarte – 2020, e Prêmio Brasil ao Natural em 2021. Já dividiu palco com importantes nomes, como: Ivan Lins, Renato Braz, Mônica Salmaso e outres. Tem parcerias musicais com relevantes nomes da música e literatura brasileira, como Déa Trancoso, Socorro Lira, Márcia Kambeba, Makely Ka, entre outras. Com cinco álbuns autorais lançados, Estela tem três álbuns solos: "AR" (2017), "Cacica" (2022) e "Terra Força Mulher" (2022); e dois álbuns com o Grupo Monofoliar: "Monofoliar" (2013) e "Simbiose" (2015).
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet