Olhar Conceito

Sexta-feira, 14 de junho de 2024

Notícias | Música

parada cardíaca

Referência no samba e pagode em Cuiabá, Edinho Cuiabano morre aos 69 anos

Foto: Reprodução

Referência no samba e pagode em Cuiabá, Edinho Cuiabano morre aos 69 anos
Conhecido pela atuação nas rodas de samba e pagode em Cuiabá, o músico Edson Campos, o Edinho Cuiabano, morreu nesse domingo (10), aos 69 anos. O sambista teria sofrido uma parada cardíaca. O velório está acontecendo na Capela Bom Jesus, em Várzea Grande, já o enterro está marcado para às 17h, no Cemitério Parque Bom Jesus de Cuiabá. 


Leia também
Sob gritos de 'aqui é CV', MC Daniel deixa palco após plateia arremessar copos de cerveja


Edinho Cuiabano se destacou no samba e no pagode na década de 80, sendo foi um dos pioneiros do "Encontro dos Pagodeiros". Em 2006, ele recebeu o "Troféu Zumbi" da Câmara de Cuiabá e chegou a se candidatar para o cargo de vereador de Cuiabá em 2012.  

Nas redes sociais, amigos e familiares lamentaram a morte de Edinho Cuiabano. "Edinho deixa uma lacuna em nossa vida, seja pelo seu exemplar modelo de pai de família e avô, seja pela sua atual consagração a Cristo, seja pelo que produziu artisticamente em Mato Grosso, uma das vozes mais alegres e conceituadas de nossas vidas noturnas, em tempos passados", diz uma das publicações. 
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet