Olhar Conceito

Sexta-feira, 17 de setembro de 2021

Notícias / Música

programa pro final de semana

Previsão em Chapada dos Guimarães: tempo carregado de blues com pancadas de rock 'n roll

De Chapada dos Guimarães - Lucas Bólico

25 Mai 2013 - 17:00

Foto: Lucas Bólico

Jam session ao ar livre em Chapada

Jam session ao ar livre em Chapada

O tempo em Chapada dos Guimarães está confuso. Sol forte. De repente, neblina. Tanto faz. São os acordes do blues que marcam o clima no final de semana de uma das cidades mais charmosas de Mato Grosso. Antes de chegar na praça central da cidade, a Dom Wunibaldo, os acordes de guitarra já são ouvidos.

Quarteto virtuose mostra em repertório que o blues é base fundamental para rock, pop e outros gêneros

No final da manhã deste sábado, Charles Martins, da banda Lord Crossroad, tocava o violão e revezava o micronofe com colegas de outras bandas na Dom Wunibaldo. Na jam session intercalavam-se músicos em tom de descontração.



"Isso aqui é maravilhoso", comentou Martins sobre o evento. "Nosso som tem um pouco de blues também e nos chamaram pra tocar, foi uma grande honra. Estamos adorando. E aqui toquei com caras de outras bandas, está sendo ótimo", comentou após encerrar a apresentação. A empolgação é maior que o cansaço. Na noite de ontem, a banda se apresentou em festa no campus de Cuiabá da Universidade Fderal de ato Grosso.

Cecíla Neves ergue o véu da hipocrisia para falar sobre sexo e muito mais

Além dos músicos, os comerciantes da praça central de Chapada dos Guimarães têm expectativas positivas com o festival. Cleide Benevites vende pães recheados para os moradores de Chapada nos dias de semana e aos finais comerializa churros e tapiocas nas proximidades da igreja Santa Ana do Sacramento.



"Ainda não vendi mais que o normal dos outros finais de semana, mas espero vender. Espero que mais gente venha [para Chapada]. Tem que ter incentivo", opina. De acordo com a comerciante, o município, com grande potencial turístico, tem deixado a vocação de lado.

"Nós aqui da praça, nos finais de semana, vendemos mesmo é para turistas, pessoas que vem de Cuiabá. Quem é de Chapada mesmo não compra", afirma, ao som dos acordes de improvisos no blues.



O festival tem programação até domingo (confira abaixo).

Circuito Blues Arte Chapada - Apresentação rotativa de Trios de Blues e do grupo Sem fronteiras e exposição com os artistas plástico plásticos Adir Sodré, Vitória Basaia, Valdemar Machado, Renato Campelo, Fabrícia Campelo e Ângela ACosta.
Horário: das 11h às 14h e das 19h às 22h
Onde: nos restaurantes Bistrô da Mata, Chapada Hause, Pomodori, Piracicaba e Fellipe. Quanto: Couvert R$ 5

Sunset Blues - Jam Blues
Horário: às 17h30
Onde: na Alemeda Pomodori
Quanto: Couvert R$10

Luzes da cidade - projeções com fotógrafos Mario Friedlander, Izan Petterle, Ciça Kawall, Geraldo David Santana e Edilon Carmo.
Horário: às 20h
Onde: na Praça Dom Wunibaldo
Quanto: Gratuito

Chapada Blues House - Show com Tocandira e Viviane Cantarella
Horário: às 22h
Onde: no Restaurante Chapada House
Quanto: R$ 20 por pessoa/ Mesa para quatro pessoas R$100/ Camarote R$1.000 para 10 pessoas com direito a uma garrafa de Whisky Black Label

Domingo (26/05)

Circuito Blues Arte Chapada- Apresentação rotativa de Trios de Blues e do grupo Sem fronteiras e exposição com os artistas plástico plásticos Adir Sodré, Vitória Basaia, Valdemar Machado, Renato Campelo, Fabrícia Campelo e Ângela ACosta.
Horário: das 11h às 14h
Onde: nos restaurantes Bistrô da Mata, Chapada Hause, Pomodori, Piracicaba e Fellipe. Quanto: Couvert R$ 5
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet