Olhar Conceito

Domingo, 23 de janeiro de 2022

Notícias | Saúde e Beleza

medicina personalizada

Teste genético voltado para nutrição e exercícios físicos pode ajudar na perda de peso

Foto: Reprodução / Ilustração

Teste genético voltado para nutrição e exercícios físicos pode ajudar na perda de peso
Principalmente depois dos 30 anos de idades, as pessoas sentem dificuldade em perder peso, fortalecer o organismo ou saber o que precisa ser acrescentado ou excluído da alimentação. O que é ideal para um, pode não ser para outro. Por conta disto, a noção de medicina personalizada se desenvolve cada vez mais.

Leia mais: Coquetéis e design de sobrancelha: novas técnicas levam em consideração o formato do rosto; Entenda

Perguntas como “Qual o melhor tipo de dieta para mim? Por que eu não consigo dizer “não” para certos alimentos? Por que eu sinto a necessidade de comer entre as refeições? Eu tenho deficiência de alguma vitamina? Quais tipos de exercícios são mais eficazes para mim?” podem ser respondidas através de um novo exame personalizado.

O exame, chamado de Painel Genômico de Nutrição e Resposta a Exercício, do laboratório Cedic Cedilab, oferece um relatório individual e exclusivo, com informações importantes sobre o organismo de cada individuo e que ajudam a entender como o estilo de vida e a genética podem influenciar a saúde.

Baseado em Biologia Molecular, o painel genético consiste em um mapeamento e avaliação de 145 marcadores genéticos que possibilitam conhecer como cada pessoa metaboliza açucares, gorduras, nutrientes e vitaminas, além de definir os exercícios mais indicados para cada perfil.

Por meio do teste, o paciente descobre como seus genes influenciam a sua percepção ou desejo de alguns alimentos, como o doce e o amargo. “Por meio do Painel Genômico é possível obter informações sobre peso saudável e sua predisposição em mantê-lo”, explica a diretora médica do Cedic, Natasha Slhessarenko.

Com o novo exame, os médicos passam ainda a ter conhecimento não apenas do metabolismo dos pacientes, mas também da propensão ao desenvolvimento de doenças como as cardíacas e diabetes tipo 2. Desta forma, o painel genômico quebra o paradigma da avaliação médica voltada para a detecção de doenças e passa a atuar na chamada Medicina Preventiva.

Segundo a médica, o principal objetivo do teste é ajudar os médicos no tratamento mais assertivo de seus pacientes. “Com ele, podemos descobrir, por exemplo, se uma pessoa tem deficiência de algumas vitaminas ou ainda se seria mais beneficiada com exercícios de força ou de resistência, entre outros exemplos”, explica ela.

O exame vem com um laudo em forma de relatório ilustrado. “Ele fala sobre a genética pessoal e dieta – nutrição e prática de exercícios –, focando nas melhores respostas que a pessoa pode ter para melhorar seu estilo de vida, como os alimentos mais indicados a consumir e a evitar. Da mesma forma, é possível saber qual o tipo de exercício é mais proveitoso ao organismo”, conta Dra. Natasha.

Para garantir os resultados, é fundamental que a solicitação e o acompanhamento sejam feitos por intermédio de um médico especializado. Desta forma, será possível tirar melhor proveito das informações apresentadas, bem como traçar o melhor caminho para uma vida mais saudável.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet