Olhar Jurídico

Domingo, 22 de setembro de 2019

Notícias / Criminal

CNJ vai investigar morte de 7 detentos em colônia penal

Agência CNJ de Notícias

07 Ago 2012 - 17:40

O coordenador do Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário do Conselho Nacional de Justiça (DMF/CNJ), juiz Luciano Losekann, vai a Porto Velho (RO) nesta quarta-feira (8/8) apurar informações sobre o incêndio que matou sete detentos da Colônia Penal Agrícola Ênio Pinheiro, naquela capital, na tarde do último domingo (5/8).

Segundo informações da imprensa local, sete internos morreram carbonizados após um incêndio que destruiu o Pavilhão 1 da referida unidade prisional, onde sentenciados cumprem pena em regime semiaberto. Havia 100 pessoas no pavilhão quando começou o incêndio, às 16 horas, de acordo com o Corpo de Bombeiros. “A idéia é fazer uma inspeção ao estabelecimento para obter informações sobre o incêndio que vitimou essas pessoas”, explica o magistrado do CNJ.
Sitevip Internet